Edição nº 7256

Evacuação de Gaza é mais um crime de guerra de Israel
Israel quer a população se desloque para não ter que enfrentar o Hamas em meio ao povo, dos quais muitos certamente pegariam em armas, aumentando as chances da derrota sionista.
EUA ameaçam países árabes para que não entrem na guerra
Contudo, a burguesia imperialista está ciente que tem de agir com cuidado. Caso erre na dose de sua intervenção, poderá acelerar a conflagração revolucionária no mundo Árabe.
Irã dá aviso a Israel e conflito pode se estender
Chanceler iraniano anuncia que guerra poderá se desdobrar “outras frentes”
Colunistas
A falsa defesa da liberdade de expressão
Que a luta do povo palestino e do Hamas nos sirva de exemplo
Bibi
A ocupação sionista do espaço virtual
Polêmicas
Só existe um lado certo para ser apoiado, e esse lado é a Palestina e seu grupo armado, o Hamas. Não faz o menor sentido afirmarem que não se pode tomar partido por nenhum lado.
É preciso medir as coisas com a régua da luta de classes, da revolta de um povo martirizado há décadas por um Estado invasor, fortemente armado e apoiado pelo imperialismo
A decisão do imperialismo de manter o enclave imperialista de Israel e sustentá-lo sob a base de uma ditadura nazista só terá como resultado a barbárie
Destaques
Enquanto a imprensa imperialista tenta cinicamente mostrar Israel como uma vítima dos palestinos, é importante lembrar que o sacrifício contínuo do povo palestino.
O desenvolvimento deste confronto está causando uma reação histórica dos países árabes, o que pode colocar em que xeque o domínio imperialista em toda região.
Aparentemente, no que afirma a imprensa burguesa, a maior democracia do mundo não permite nem mesmo o seu próprio povo o direito a se expressar.
Queda de região controlada e habitada por armênios no Azerbaijão já provocou a migração de mais de 100 mil pessoas.
Leila Pereira comete “sincericídio” e ilustra como pensam os capitalistas a respeito das torcidas organizadas
Imperialismo se aproveita da votação do Marco Temporal para atacar Lula e desgastar o seu frágil governo
Artigos Secundários
O imperialismo prepara o que pode ser o assalto final ao país que destruiu para tentar cercar a Rússia
Em 2019, por exemplo, os EUA despejaram 7.423 bombas contra o Afeganistão, lançadas ao longo de um ano e sobre um território quase 1.800 vezes
“O secretário-geral e sua equipe têm trabalhado incansavelmente. Ele esteve em contato constante com as autoridades israelenses, instando-as a evitar uma catástrofe humanitária”.
Após cortarem todo tipo de suprimento impedindo os feridos de serem tratados, agora os sionistas querem esvaziar um hospital lotado de feridos pelos bombardeios
Dos 1.799 palestinos mortos no último balanço do dia 13, pelo menos 500 eram crianças
No segundo pais com o maior número de palestinos aconteceu uma das maiores manifesatções do mundo em solidariedade à Palestina
As tropas sionistas se preparam para realizar uma violência brutal contra os palestinos, mas se defrontaram com a resistência do Hamas
Na fronteira ao norte, entre “Israel” e Líbano, o exército sionista assassinou um jornalista da Reuters em um bombardeio
Palestina dá depoimentos sobre a situação da Faixa de Gaza em meio a bombardeios e a política nazista de “Israel” de expulsar os palestinos de metade do território
Nas nações do Oriente Médio acontecem grandes manifestações convocadas pelo próprio Hamas que chamou por atos de solidariedade para essa sexta feira
Os sionistas querem realizar um verdadeiro massacre em Gaza, até a ONU já avisou que seu plano é uma catástrofe humanitária
“Esqueça a comida, esqueça a eletricidade, esqueça o combustível, a única preocupação agora é se você vai conseguir, se você vai sobreviver”
Mais uma vez o Imperialismo ordena uma intervenção absolutamente ilegal e mostruosa no Haiti tendo a frente dessa vez o Quênia como seu fantoche.
A história mostrou que aliados do imperialismo são sempre uma grave ameaça à integridade ao povo de um dado país, como acontece agora com os turcos e os curdos
A possibilidade de um golpe contra o governo da Geórgia é iminente
Deu carta branca à polícia britânica para fazer o que quiser para reprimir qualquer manifestação pró-Palestina
Acompanhe o prgrama que vai ao ar todas as semanas trazendo os assuntos do momento sobre uma ótica da luta dos trabalhadores e seus opressores.
Mais uma vez a fórmula para a salvação da Saúde Caixa é onerar os trabalhadores como sistematicamente vem sendo feito com os supostos prejuízos
Embora o Hamas não governe a Cisjordânia, a região também vem sendo duramente atacada pela ditadura nazista de Israel, que evidencia ter uma política de extermínio dos palestinos
O Estado nazista de Israel deu prazo de 24 horas para a evacuação ser feita, porém, atacou no último dia 12 um corredor humanitário em Rafah, na fronteira com o Egito
O presidente da Rússia comparou os planos do Estado sionista com as ações de Hitler contra os russos na segunda guerra mundial

Edição em PDF

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.