Por quê estou vendo anúncios no DCO?

O impossível acontece

A defesa impossível de Gordon Banks na cabeçada de Pelé em 70

A defesa espetacular de Banks coloca na história mais um dos gols incríveis que Pelé quase marcou

A defesa impossível

Nas palavras do próprio Rei Pelé, foi “a defesa foi uma das melhores que já vi, na vida real e em todos os milhares de jogos que assisti desde então. Quando você é um jogador de futebol, você sabe exatamente quão bem tem que acertar a bola. Eu acertei a cabeçada exatamente como eu esperava. Ela foi onde eu queria que fosse. E já estava pronto para comemorar. Mas então este homem, Banks, apareceu como um fantasma azul, como o descrevi. Ele veio do nada e fez o que eu não achava ser possível. Ele puxou a bola, de alguma forma, para cima e para fora do campo. E eu não pude acreditar no que eu vi. Até hoje, quando assisto, não acredito. Não acredito como conseguiu se mover de tão longe e tão rápido”.

Pelé e Gordon Banks
Gordon Banks e Pelé com uma fotografia da defesa do século

O lance foi espetacular, Jairzinho dispara pela direta com o zagueiro Terry Cooper (camisa 3) no seu encalço, vai até a linha de fundo e cruza para trás. A bola cruza a área a 75 km/h percorrendo 25 metros, passa três metros da marca do pênalti quando, quase parando no ar, Pelé desfere uma cabeçada certeira em direção ao chão. Apesar de ter 1,75 de altura, o marcador inglês, Thomas Wright (14), subiu 50 cm no salto, enquanto o nosso craque, dois centímetros menor, saltou 70 cm do chão.

Gordon Banks teve de se antecipar, pois tudo isso durou pouco mais de meio segundo, foram 0,6 s entre a cabeçada, o quicar da bola no chão e a defesa assombrosa. A bola saiu da cabeça de Pelé a 45 km/h e, depois de quicar, levou apenas 2 décimos de segundo até mão de Banks aparecer no caminho.

Naquele 7 de junho, no Estádio Jalisco, no México, segundo Emerson Leão, goleiro reserva da Seleção, houve um momento de silêncio geral com aquela defesa, logo seguido de merecidos aplausos.

Eram os campeões

A Inglaterra vinha de ser campeã mundial, em 66, Copa que Pelé não pôde jogar, pois foi vítima da deslealdade dos jogadores das seleções portuguesa e búlgara. Nosso craque se contundiu com gravidade e ficou fora do mundial.

Apesar disso, o time inglês mostrou que não era isso tudo, perdeu nas quartas de final para a Alemanha e foi despachado.

Gordon Banks ficou conhecido como o goleiro das defesas impossíveis. Nesse jogo contra o Brasil, acabou sendo vazado por Jairzinho, que recebeu uma assistência de Pelé, muito parecida com aquela a Carlos Alberto Torres, na final contra a Itália.

Esse é mais um dos gols antológicos que não foram marcados por Pelé. O único jogador que ficou famoso pelos gols que fez e também pelos que não fez, pois as jogadas foram espetaculares, como a tentativa antes do meio do campo contra a Tchecoslováquia e o drible desconcertante em Mazurkiewicz, goleiro do Uruguai.

É preciso lembrar que essas jogadas acabaram influenciando gerações futuras de jogadores. Inúmeros dribles fantásticos saíram dos pés de Pelé, e aqueles que não criou acabou aperfeiçoando, como o famoso gol de bicicleta.

Felizmente, muitos dos lances de Pelé estão eternizados em gravações. Muitas se perderam ou sequer foram registrados. Então, podemos apenas imaginar a enormidade de lances incríveis que esse gênio inalcançável da bola criou.

Gostou do artigo? Faça uma doação!

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.