Por quê estou vendo anúncios no DCO?

Radicalização

Os trabalhadores devem disputar o governo Lula

O governo do PT precisa ser favorável a população, e não à burguesia


Luiz Inácio Lula da Silva foi eleito no final de outubro para seu terceiro mandato como presidente do Brasil. Lula é um notório representante da classe trabalhadora no País, tendo feito seu nome ao participar de uma série de greves durante o final da ditadura militar, liderando os sindicatos em grandes mobilizações contra o regime da época.

Lula foi evoluindo e se consolidou como o líder que é hoje. Seus governos, apesar da propaganda da imprensa e dos efetivos erros que cometeu, ficaram marcados no imaginário da população, que, por sua vez, vê o ex-presidente como um verdadeiro representante e uma espécie de salvação da sua situação atual, causada por Bolsonaro, Temer e por toda a burguesia e imperialismo nos últimos anos.

A polarização fez com que a eleição deste ano fosse intensamente disputada. No fim das contas, Lula foi eleito com pouquíssima folga em relação a Bolsonaro, e a burguesia começou logo a se adaptar a isso. Geraldo Alckmin é o vice de Lula. Diversas figuras, já na proximidade do segundo turno, começaram a declarar apoio ao ex-presidente, inclusive candidatos da burguesia,  a exemplo de Simone Tebet.

O fato é que, não conseguindo emplacar seu candidato inicial para a presidência, a burguesia tenta fazer o máximo para tomar e controlar o governo Lula. Já é possível ver diversas manchetes na imprensa com títulos como “Lula deve fazer isso”, “Lula deve resolver aquilo”, ditando o que o presidente precisa ou não fazer para, logicamente, manter um governo estável sob o controle da burguesia. Esta tenta fazer com que o governo do PT, no fim das contas, se torne um governo do PSDB.

A população não pode permitir que isso venha a acontecer. Lula deve fazer um governo dos trabalhadores, da classe operária, não se deixando levar pelas enganações e manipulações da burguesia e do imperialismo. É preciso, frente à forte polarização no País, radicalizar o povo a ponto de manter o governo erguido na marra e que atenda aos seus interesses.

De um lado, a burguesia irá incessantemente pressionar para que o governo, caso atenda às reivindicações dos trabalhadores, se desestabilize até não se aguentar mais de pé. Por isso, primeiramente, o povo deve indicar para Lula o que é certo e o que não é; ou seja, criticar cada concessão à burguesia, apoiar criticamente as medidas corretas do governo, e organizar uma luta pela base para puxar o governo para a esquerda.

Da mesma forma, os sindicatos e as organizações sociais não podem ficar atrelados ao governo, mas sim devem adotar uma política em prol dos trabalhadores, uma política combativa e que combata concretamente a direita que está fora e que está dentro do governo para sabotá-lo.

Além disso, outro passo fundamental para que essa luta se consolide é colocar o povo na rua. A burguesia inevitavelmente irá tentar fazer com que o governo fique desestabilizado caso comece a atender a todas as reivindicações dos trabalhadores, ainda mais se forem pedidos efetivamente radicais e significativos para a população, o que significa que, para que o governo se mantenha de pé, é necessário que o povo esteja nas ruas, defendendo Lula, disputando o governo e realizando um período de lutas intensas em favor da classe trabalhadora.


COTV

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.