Por quê estou vendo anúncios no DCO?

SOB PRESSÃO

Contra independência, Macron oferece “autonomia” para Córsega

Para sufocar o movimento pró independência de Córsega, presidente francês, declara que dará mais autonomia à ilha, o que exclui demandas do povo corso e pode não ser nada no fim

Para tentar sufocar o movimento nacionalista da ilha da Córsega, o presidente da França, Emmanuel Macron, propôs alterar o estatuto da ilha, no intuito de dar mais autonomia para o local. A resposta do imperialismo francês ocorre depois da morte, em 2022, do principal líder da mobilização separatista, Yvan Colonna, que estava em prisão perpétua por assassinar o prefeito da ilha em 1998.

Desde sua morte, moradores têm realizado protestos cada vez mais violentos pedindo a independência da ilha. Em aceno para sufocar o movimento, Macron fez a oferta durante visita à ilha, mas reforçou que a “autonomia” será limitada e não haverá nenhum desligamento do Estado francês. Vale destacar que as duas principais reivindicações dos independentistas ficaram de fora do aceno de Macron: a inclusão do estatuto de residente para os moradores da ilha e a inclusão do idioma corso como língua co-oficial.

O aceno do representante do imperialismo francês tampouco indica que tipos de poderes a ilha teria com a tal “autonomia”. De todo modo, ficou estabelecido seis meses para que os políticos de Córsega cheguem em um acordo sobre uma lei que alteraria a Constituição Francesa. O texto deve ser aprovado pela Assembleia Nacional e por fim, em referendo.

O poder de Paris vem sofrendo diversos reveses, sobretudo na África, onde ocorreram levantes militares contra a influência francesa no Sudão, Burquina Fasso, Niger e Gabão. Este momento de fraqueza da dominação francesa é explicitado pela verdadeira insurreição que ocorre abaixo do Mediterrâneo, algo que vem sendo aproveitado pelos inimigos internos do imperialismo francês.

Importante destacar que Córsega faz parte da França desde 1768, mas a ilha, que possui 339.178 habitantes, tem um poderoso movimento de independência, em função do apego do povo local pela língua e em função dos catastróficos indicadores estatísticos que revelam uma contínua crise econômica e social.

Gostou do artigo? Faça uma doação!

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.