Por quê estou vendo anúncios no DCO?

Ameaça imperialista

Forças Espaciais dos EUA se preparam para a guerra na Europa

O Pentágono afirmou que deve tratar o espaço como um “domínio de combate” por causa de supostas ameaças da Rússia e da China

A Força Espacial dos EUA realizou exercícios conjuntos com o Reino Unido, Canadá e Austrália – os maiores exercícios desse tipo em sua história – para aprimorar sua prontidão para uma guerra hipotética na Europa, de acordo com uma declaração do Comando de Treinamento e Prontidão Espacial (STAR).

Três exercícios denominados Space Flag 23-1, cada um com duração de dois dias, foram realizados no início deste mês na Base da Força Espacial Schriever, no Colorado. Os exercícios permitiram que os participantes praticassem “técnicas de guerra orbital, nossas técnicas de guerra eletrônica, nossas técnicas de reconhecimento de domínio espacial e comando de inteligência”, disse o tenente-coronel da Força Espacial Albert Harris.

“Esta bandeira espacial se concentrou em um cenário do Comando Europeu dos EUA, então queríamos apresentar o problema naquele teatro e exercitar nossa capacidade de vencê-lo com base em vários problemas que apresentamos à equipe”, acrescentou Harris.

O evento marcou os primeiros exercícios da Força Espacial que praticaram para a guerra europeia e aconteceu em meio a tensões crescentes entre Washington e Moscou sobre o conflito Rússia-Ucrânia. Harris disse que o planejamento dos exercícios começou em fevereiro, mesmo mês em que a Rússia iniciou sua operação militar na Ucrânia.

As tropas receberam problemas específicos da Europa para resolver durante o planejamento da missão e praticaram procedimentos para aumentar sua prontidão para vencer um conflito no continente, mas os cenários exatos permanecem um mistério. O coronel Jason Schramm disse que os exercícios permitiram que as forças americanas e os parceiros da coalizão praticassem suas táticas de combate espacial.

“Vencer no espaço sustenta a letalidade da coalizão em outros domínios de combate”, disse ele. “Vamos lutar no espaço como uma coalizão, e essas oportunidades são inestimáveis para formar a equipe que lutará junta caso seja necessário.”

Os EUA têm apoiado a Ucrânia em sua luta contra a Rússia com armas, suprimentos e outras formas de ajuda militar, como inteligência, enquanto afirmam não estar diretamente envolvidos no conflito. O general John Raymond, chefe das operações espaciais dos EUA, disse em julho que “o espaço comercial tem sido muito importante no fornecimento de capacidades que têm sido úteis para a Ucrânia”.

Um caso bem conhecido é o fornecimento de equipamentos terrestres Starlink para a Ucrânia. A SpaceX de Elon Musk forneceu acesso ao serviço de internet banda larga via satélite para as tropas de Kiev.

Falando em um evento espacial na ONU em outubro, o representante russo Konstantin Vorontsov expressou preocupação com os EUA e seus aliados usando “elementos da infraestrutura espacial civil, incluindo comercial, para fins militares” e alertou que “a infraestrutura quase civil pode ser considerado um alvo legítimo para um ataque de retaliação”.

Os EUA lançaram sua Força Espacial como um ramo militar separado em 2019, mais de 50 anos depois de se juntar à União Soviética e ao Reino Unido na assinatura de um tratado que prometia reservar espaço para “fins pacíficos”. O Pentágono afirmou que deve tratar o espaço como um “domínio de combate” por causa de supostas ameaças da Rússia e da China.

Fonte: RT

* As opiniões expressas nos artigos reproduzidos não representam necessariamente a posição deste diário

Gostou do artigo? Faça uma doação!

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.