Por quê estou vendo anúncios no DCO?

Abaixo o imperialismo

Fora as tropas imperialistas da Síria! Fim do Estado de Israel!

Enquanto os EUA saqueiam 83% do petróleo da síria e os seus lacaios sionistas bombardeiam a capital do país o Hamas clama pela união dos árabes contra o imperialismo


No último dia 09 de agosto, o Ministério do Petróleo da Síria revelou que nos territórios até hoje ocupados pelos EUA no norte do país são roubados todos os dias 83% da produção de petróleo. São 66,000 barris sendo saqueados todos os dias pelos invasores que perpetuam uma guerra de 11 anos que já assassinou mais de meio milhão de pessoas. Nessa semana Israel também iniciou um bombardeio contra a cidade de Damasco, é preciso declarar apoio total ao governo Assad e ao povo da Síria.

Desde a primavera Árabe, a Síria é um dos países que mais sofre com a intervenção imperialista no Oriente Médio. São mais de 15 facções que atuam em território sírio, os “rebeldes” financiados pelos EUA, o Estado Islâmico, o exército da Turquia, os Curdos financiados pelos EUA, o exército de Israel, todos contra o governo de Assad. Ao seu favor há o próprio exército Sírio, o Hezbollah, do Líbano, a Guarda Revolucionária Iraniana e algumas tropas russas. Dada a resistência dos povos árabes, após 11 anos de guerra, o governo conseguiu reconquistar grande parte do território, mas ainda resta um terço do país sob o controle dos EUA, ao norte.

Após a ação militar da Rússia na Ucrânia, que derrotou militarmente a Otan e demonstrou a debilidade do imperialismo, o governo da Síria afirmou que a ocupação militar dos EUA, que é estável há 5 anos, terminaria no futuro próximo. Agora, o governo revela os dados do tamanho do saque que o imperialismo realiza no país, não basta toda a destruição, as centenas de milhares de mortes, os milhões de refugiados. O imperialismo está disposto a manter uma guerra eterna para controlar o petróleo do país.

Ao mesmo tempo Israel segue atuando como um lacaio imperialista atacando a Síria. O Estado sionista ocupou as colinas de Golã ainda em 1967 e assim segue em guerra com a Síria há 55 anos. Com o início da guerra civil em 2011, a intervenção de Israel aumentou mais ainda, o exército israelense está literalmente bombardeando a capital do país. Os sírios têm todo o direito de retribuir os ataques bombardeando quaisquer cidades israelenses para se defender. O que impossibilita essa atuação é o financiamento bilionário que o estado de Israel recebe do imperialismo.

Após o último bombardeio, o Hamas convocou todos os povos árabes a se unirem e lutarem contra o Estado de Israel. Essa é a política correta a se tomar, não apenas pelos árabes, como todos os povos oprimidos do Planeta, o Estado de Israel é uma abominação que deve deixar de existir. A crise no Oriente Médio tende a se resolver por meio das armas, a aliança de todos os grupos que lutam contra o imperialismo, os governos da Síria e do Irã, o Hamas, o Hezbollah, os Houthis, o Talibã, a Milícia Mahdi dentre outros seria um grande avanço na luta dos povos da região.

No caso da Síria e da Palestina não há como tergiversar é preciso declarar apoio total ao governo da Síria e ao Hamas em sua luta contra o Estado de Israel e todo o imperialismo. É preciso expulsar todas as tropas norte americanas da Síria e destruir o governo sionista para que assim se conquista a libertação de ambos estes países. A vitória de um povo oprimido é a vitória de todos os povos oprimidos, a vitória dos sírios e dos palestinos é a vitória dos brasileiros.

Gostou do artigo? Faça uma doação!


COTV

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.