Por quê estou vendo anúncios no DCO?

Lula x banqueiros

CUT e sindicatos devem mobilizar contra o teto de gastos

Lula defende gastos com a população e é pressionado pelos banqueiros e sua venal imprensa


Em entrevista após suas primeiras visitas oficiais aos presidentes da Câmara e do Senado e aos membros do STF, o presidente Lula mostrou uma posição firme em defesa dos interesses da população contra os vorazes apetites dos banqueiros.

“Não é gasto, é investimento”

Diante das muitas perguntas sobre o estouro do teto de gastos, feitas por representantes da imprensa capitalista, Lula declarou:

“Nós precisamos inclusive mudar algumas nomenclaturas porque tudo que nós queremos fazer: é gasto, é gasto, é gasto. Para quê? Para guardar dinheiro para pagar juros aos banqueiros? Não”

Ele explicou que os “gastos” com o povo deveriam ser tratados como investimentos. E reforçou que o Brasil tem que investir no “povo pobre”, em saúde pública, e programas sociais como o Farmácia Popular. E reafirmou seu compromisso com a erradicação da fome.

Querem mandar no governo Lula

Também pressionado pelos servos do mercado financeiro para que aponte uma pessoa de confiança deles e não dos trabalhadores para o comando da Economia, Lula afirmou que só irá revelar quem será o ministro da Economia após sua viagem ao Egito para a COP-27.

Essas e outras declarações de Lula, em favor de uma política econômica de caráter limitadamente nacionalista e com um certo nível de preocupação social, vem gerando reações da parte dos tubarões do mercado financeiro e da sua imprensa burguesa.

Segundo o jornalista Lauro Jardim publicou no direitista jornal O Globo, trechos da entrevista e vídeo circulam abundantemente nos grupos de WhatsApp de executivos do mercado financeiro. Ele aponta que “os comentários eram sempre em tom de preocupação, decepção e ironia. Um deles: ‘Dormimos com Geraldo (Alckmin) e acordamos com Aloizio (Mercadante)’. Outro, desta vez em relação ao mistério sobre o novo ministro da Fazenda: “Estão fazendo o orçamento da empresa, sem diretor financeiro nomeado“.

É nítida a oposição desses e de outros setores da burguesia golpista à sua proposta de abrir um espaço de R$200 bilhões acima do Teto de Gastos para dar conta das promessas de campanha, e usar o dinheiro público com o povo — como a expansão do Auxílio de R$600 para ter um adicional de R$150 por filho, além de reverter os cortes e expandir o programa Farmácia Popular e a verba para a merenda escolar, além da proposta de isenção do imposto de renda para quem ganha até R$5 mil.

Os trabalhadores devem se posicionar

A burguesia pressiona. Quer que Lula cometa um estelionato eleitoral. Que, tendo prometido atender às necessidades do povo trabalhador, se curve aos interesses dos tubarões capitalistas.

Um governo decidido pelo desenvolvimento do Brasil tem que se apoiar concretamente nos trabalhadores, único setor capaz de fazer frente aos interesses do imperialismo.

A CUT e os sindicatos devem se mobilizar em defesa dessas posições de Lula, do atendimento das necessidades populares e do fim da expropriação do povo pelos bancos, por meio da defesa da estatização do sistema financeiro sob o controle dos trabalhadores.

Que ao invés dos banqueiros parasitas e sanguessugas continuarem a sugar o sangue e o suor do povo trabalhador, sejam eles que paguem pela crise capitalista e do regime golpista que ajudaram a edificar contra o povo brasileiro.

Gostou do artigo? Faça uma doação!


COTV

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.