Por quê estou vendo anúncios no DCO?

Ação entre amigos

“Vai para Cuba”, então bora!

Comitês lançam campanha nacional para financiar a luta

che guevara memorial and cuban flag at plaza de la revolucion, revolution square, havana, la habana province, cuba

Os Comitês de Luta lançaram mais uma nova ação entre amigos para arrecadar fundos e financiar o combate aos golpistas. Depois de ser tão xingado pelos fascistas, finalmente o Bloco Vermelho decidiu dar ouvidos aos coxinhas, mas apenas em uma coisa: “vai para Cuba!” 

Os comitês, para financiar sua luta contra o governo Jair Bolsonaro e a direita golpista, assim como mobilizar em torno da candidatura do ex-presidente Lula, decidiram sortear uma viagem para Cuba, o ponto turístico mais desejado entre a esquerda, com hotel e um acompanhante, durante sete dias. 

O sorteio ocorre por meio de uma Ação entre amigos, no qual quanto mais se adquirir mais chances terá de ganhar. Imagine ir para uma ilha paradisíaca no Caribe por apenas 50 reais! Mas não pense pequeno: adquira diversos números, contribuindo com a tiragem massiva de materiais em defesa das reivindicações da classe operária, ao mesmo tempo aumentando suas chances de visitar um dos poucos Estados proletários que ainda existem no mundo.

Do ponto de vista político, Cuba é uma referência da luta revolucionária na América Latina. Uma pequena ilha, ao lado dos Estados Unidos, que há mais de 60 anos sustenta sua independência frente ao imperialismo; que resiste frente a diversas tentativas de sabotar a ilha política e economicamente, com agentes infiltrados, o desumano bloqueio econômico e muito mais. Nesse sentido, o país é um exemplo da luta pela soberania dos povos oprimidos, principalmente os latino-americanos.

Em Cuba, você poderá conhecer monumentos revolucionários históricos, como a Praça da Revolução, museus diversos contando a história da Revolução de 1959, para sair inspirado na luta contra a burguesia e o imperialismo no Brasil. 

Também será uma oportunidade para conhecer a organização política e social do país, entender como uma pequena ilha conseguiu sustentar sua revolução por tanto tempo, apesar da queda de Estados operários em todo o mundo, como a União Soviética. Dessa forma, será uma experiência que contribuirá na construção da ditadura do proletariado no Brasil.

Por outro lado, a viagem para Cuba não será somente gratificante do ponto de vista político, pois o país também é uma referência turística mundial, com suas praias paradisíacas nos mares do Caribe e sua cultura. A capital, Havana, conta com diversas praças, parques, ruas culturais e restaurantes interessantes para conhecer.

Na literatura, os cubanos têm um vasto histórico de grandes poetas, dentre os quais, para exemplificar, basta lembrar de José Martí, líder da luta pela independência do país frente à Espanha. Já na música, Cuba é um dos países mais influentes do mundo, com uma imensa gama de variedades, que vão desde a trova até o jazz latino, passando bolero e vários outros estilos. O festival de jazz em Cuba é um dos mais importantes do mundo e o principal do gênero na América Latina. 

Por isso, é uma viagem imperdível. Imagine-se numa praia, tomando um mojito (drink tradicional do país) e ouvindo um bolero. Não qualquer praia! Uma com a água tão clara, mas tão clara, que pode-se ver o próprio pé quando entra no mar, e atrás de você, a natureza tropical. É, de fato, purificador. Não por nada, Cristóvão Colombo quando descobriu a América, embarcando em Cuba, acreditava ter chegado em um estágio do paraíso. Não fique de fora! 

Por que participar da Ação

Nos últimos anos, os comitês de luta, organizações que se sustentam pela própria atividade política militante, têm publicado diversos panfletos, cartazes e adesivos para levar adiante a luta dos trabalhadores no Brasil: contra as privatizações, os golpistas, a retirada dos direitos trabalhistas, e assim adiante.

Você provavelmente já deve ter visto circulando pelas ruas, em caixas de entregadores de aplicativos, postes, carros, paredes, atos e camisetas, os adesivos “Fora Bolsonaro” ou “Lula Presidente”. Isso só foi possível pela atividade dos comitês de luta contra o golpe, que, desde a eleição fajuta de Jair Bolsonaro, tiraram milhões de adesivos nesse tipo.

Na época da luta contra o impeachment, em todas as mobilizações eram vistos os adesivos e cartazes “Abaixo o golpe, impeachment não!”. Da mesma forma, na época em que Lula estava preso, os comitês dominaram as ruas com seus materiais “Liberdade para Lula”.

Isso só foi possível pela atividade autossustentável dos trabalhadores, que financiam as atividades dos comitês. A campanha vai nesse sentido.

Como contribuir: basta acessar o site https://rifei.co/vai-pra-cuba-3ea2 e adquirir quantos bilhetes quiser (quanto maior o número de bilhetes, maiores as chances de ganhar!). Um número tem o valor de R$50,00. Todo o dinheiro arrecadado servirá para sustentar as atividades políticas dos trabalhadores brasileiros.


COTV

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.