Por quê estou vendo anúncios no DCO?

Intimidação golpista

PT troca a CUT e o MST pela Polícia Federal nos comícios

O PT capitula cada vez mais à imposição dos inimigos do povo, que não querem ver o ex-presidente subir pela terceira vez a rampa do Planalto


Um fato da maior gravidade, que não chega a ser uma novidade na campanha de rua que vem sendo realizada pelo Partido dos Trabalhadores (PT) com seu candidato principal – o ex-presidente Lula -, mas também candidatos ao governo em determinados estados, ocorreu na sexta-feira, dia 16, em uma das mais importantes cidades do interior paulista, Ribeirão Preto. Ali estava marcada uma caminhada e o comício do candidato petista ao governo do estado de São Paulo, Fernando Haddad, que lidera as intenções de voto para o Palácio dos Bandeirantes. 

No entanto, por determinação da Polícia Federal, os organizadores da campanha de Haddad cancelaram o evento por “questões de segurança”. “A Polícia Federal, por meio do trabalho de inteligência, informou ao Partido dos Trabalhadores que a atividade é insegura para os candidatos que disputam o governo do Estado e a Presidência da República”.

Adotando uma postura de completa capitulação e servilismo a uma instituição declaradamente anti petista, reacionária e golpista – como é a PF – o Secretário de Comunicação do PT de Ribeirão Preto, José Alfredo Carvalho, disse que aliados de Haddad ficaram “estarrecidos com essa informação, que coloca nossa democracia em risco e o direito à liberdade”.Por onde passa, o PT e os partidos de esquerda, têm sido vítimas de violências e intimidações, como vem acontecendo com o presidente Lula, que também foi obrigado a cancelar comício“, afirmou o impotente secretário de Comunicação petista da cidade. 

Indo um pouco mais adiante na demonstração de servilismo, disse ainda que “essas pessoas demonstram, com isso, o país que querem para elas: por meio de ameaças, truculências e atos antidemocráticos. Não estão acostumados com disputas transparentes e democráticas. Querem o país para eles, para o bem deles e não para o povo brasileiro! Estamos tristes com isso, mas vamos ouvir a recomendação da Polícia Federal“.

Será que é tão difícil assim perceber que a “recomendação” da Polícia Federal tem muito pouco ou nada a ver com segurança ou insegurança dos atos, mas trata-se de uma estratégia para esvaziar e sabotar a campanha do PT? Não nos esqueçamos que a PF foi uma espécie de vanguarda reacionária na luta contra os governos petistas e defesa do golpe de Estado, realizando operações espetaculosas em conluio com a imprensa golpista, a “justiça” de Curitiba e a famigerada operação Lava Jato, dos juízes direitistas Sérgio Moro e Deltan Dallagnol.

O fato é que a campanha petista se submete a uma inclinação cada vez mais à direita, amputando a participação popular dos atos, chegando ao cúmulo de permitir a ingerência da Polícia Federal. Se as ameaças contra as candidaturas do partido são reais, é necessário que se organize a segurança dos atos e comícios a partir da própria militância, das organizações populares que apoiam as candidaturas do PT (CUT, MST, sindicatos, ativistas, etc) e não instituições repressivas do Estado, como a PF, que na prática está pautando e dizendo o que pode e o que não pode acontecer nas atividades de campanha do partido.

Faltam duas semanas; portanto, ainda dá tempo de corrigir os rumos nessa reta final e colocar o bloco na rua de forma enérgica, dirigindo um chamado à ocupação das ruas, das praças, única forma de garantir a vitória de Lula, e assim impor uma derrota decisiva à extrema direita e à direita representada pela terceira via.    


COTV

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.