Por quê estou vendo anúncios no DCO?

Petrobrás

Nenhuma confiança no judiciário, barrar o saque à Petrobrás

A riqueza da empresa deve ser investida em educação, saúde, moradia e alimentação


O Ministério Público (MP) fez um pedido ao Tribunal de Contas da União (TCU) para suspender os pagamentos de dividendos da Petrobrás. Porém, o ministro Augusto Nardes, do TCU, rejeitou a medida cautelar solicitada. Esse pedido de suspensão dos pagamentos foi protocolado na semana passada.

O pedido foi feito pelo subprocurador-geral do TCU, Lucas Rocha Furtado. No documento, ele alega que o pagamento, de pouco mais de R$ 43 bilhões, poderia comprometer o caixa da Petrobras.

“A data prevista para o pagamento da primeira das duas parcelas dos dividendos é 20 de dezembro (a segunda deverá ser paga em 19 de janeiro de 2023). Até lá, temos tempo suficiente para ouvir a Companhia, sanear os autos, analisar o mérito e verificar se procedem os fatos alegados”, disse Nardes, que é o relator da representação.

O judiciário, como demonstrado pelo fato, não serve para nada, apenas para a repressão. Quando a defesa da soberania nacional está posta, ele vai lá e favorece a burguesia. Ou seja, de forma alguma atende aos interesses da população. A alternativa a isso deve ser os trabalhadores, que devem confiar em si mesmos, no próprio movimento operário organizado e realizar greves e manifestações contra a entrega da Petrobras aos banqueiros e vampiros do capital financeiro.

A Petrobrás é uma das empresas mais importantes para a economia nacional, pois a base energética do mundo é o petróleo. A preservação da Petrobrás como empresa estatal e a boa gestão do seu capital são, portanto, aspectos fundamentais para o desenvolvimento do País. O posicionamento do judiciário é o de justamente entregar as riquezas ao capital privado ao invés e preservar os dividendos da empresa. Prova clara de que trabalha contra o povo e à favor da burguesia.

Temos aqui mais um exemplo de que o Judiciário não existe para preservar as leis brasileiras, e sim, para massacrar o povo pobre – finalmente, exemplos não faltam do entreguismo do judiciário nacional. A Petrobrás dever ser totalmente estatizada e colocada sobre o comando dos trabalhadores e os combustíveis devem ser cotados na moeda nacional. Está cada dia mais difícil abastecer os carros e os caminhões dos trabalhadores.

A riqueza da Petrobrás deve ser dividida entre o povo brasileiro através de investimento na saúde, educação, moradia popular e, de maneira geral, em infraestrutura para o desenvolvimento do País. Somente a mobilização da população vai resolver problemas relativos ao novo governo eleito, chamar o Judiciário não resolve em nada a situação de instabilidade existente no momento.

Gostou do artigo? Faça uma doação!


COTV

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.