Por quê estou vendo anúncios no DCO?

Eleições 2022

Haverá um golpe eleitoral em 2022?

A burguesia prepara diversas formas para golpear o retorno de Lula ao poder em 2023


O Brasil continua vivendo sob o Golpe de Estado de 2016, que fora implantado pelo imperialismo com apoio da burguesia e da capitulação da esquerda pequeno-burguesa.

Existem diversos métodos sofisticados da burguesia para golpear qualquer progresso na sociedade em favor da classe operária. O imperialismo americano é o responsável por estabelecer esses golpes violentos e outros capciosos como está ocorrendo no Brasil. O Imperialismo, essa máquina de opressão dos povos oprimidos do globo, está se infiltrando dentro da esquerda para sabotar a campanha do maior líder operário do país, Luiz Inácio Lula da Silva.

Antes de atacar ferrenhamente Lula nessas eleições, os operadores do regime golpista, responsáveis pelo impeachment de Dilma Rousseff (PT), pela prisão ilegal de Lula e a eleição manipulada de Jair Bolsonaro (PL) para derrotar a esquerda e sobretudo o partido que havia vencido quatro eleições seguidas, o PT, procuraram descontruir sua cria, Jair Bolsonaro, e trazer para seu campo golpista parte da esquerda, que entrou no ritmo de atacar Bolsonaro sem se atentar para a emboscada que é atuar ao lado do imperialismo. Nessa jogada, ninguém tirou Bolsonaro do poder e a burguesia imperialista conseguiu roubar os direitos trabalhistas e previdenciários do povo e ainda levou boa parte do nosso patrimônio nacional com as criminosas privatizações das estatais.

A grande rejeição de Bolsonaro aconteceu, como era o objetivo do imperialismo, mas não tiraram ele da presidência, pois Bolsonaro poderia(e pode) ser usado novamente contra Lula, como já vem ocorrendo.

O dedo do imperialismo também está na volta de Lula no cenário eleitoral. Lula é apontado como líder das pesquisas, com possibilidade de vencer no primeiro turno, mas todo esse retorno e contexto político estão ligados a três formas estratégicas como prováveis responsáveis por essa situação: Primeira, que a burguesia foi obrigada a deixar o ex-presidente retornar para, mais à frente, fazer ele e Bolsonaro perderem as eleições; Segunda, a burguesia deixa-o voltar para elegê-lo, controlando e engessando seu mandato; e a terceira é a que permitiu o retorno do ex-presidente para manobrá-lo para eleger um candidato da terceira via, que deveria ser eleito em 2018, mas não foi possível, tendo que alavancar a candidatura de Bolsonaro para obstruir a sequência de governos progressistas no país.

Agora, a direita bolsonarista ataca Lula associando-o aos banqueiros para criar uma crise entre o petista e sua base social, para a qual dizem que a candidatura de Lula é do sistema, da terceira via com Geraldo Alckmin, enfim, diversas associações falsas para abalar a popularidade do ex-presidente.

Enquanto isso, o imperialismo, que abalou a popularidade de Bolsonaro, o qual ainda é usado para atacar a classe operária e a esquerda, segue agora para sua próxima etapa que é alavancar a candidatura de Simone Tebet – a tão sonhada terceira via imperialista para manter o golpe sob controle, sem Bolsonaro e sem Lula para os atrapalhar, sobretudo Lula, que, apesar de ter boas relações com setores da burguesia, não irá seguir a cartilha neoliberal de severos ataques ao patrimônio nacional e à classe trabalhadora.

Gostou do artigo? Faça uma doação!


COTV

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.