Por quê estou vendo anúncios no DCO?

Nada de repressão

O apoio ao “lockdown” é avesso aos princípios da esquerda

Nenhum pretexto é justificativa para atacar as liberdades democráticas do povo


Na última sexta-feira, dia 8, os jornais trouxeram a notícia de que o PT de São Paulo entrou com um pedido no Ministério Público e no Tribunal de Justiça para que o governo do PSDB de João Doria, no estado, e de Bruno Covas, na capital, decretem o “lockdown” na grande São Paulo.

Desde o início da pandemia de coronavírus, a esquerda pequeno-burguesa tem se colocado a reboque da direita nacional no que diz respeito à defesa da quarentena. Antes de qualquer coisa, é preciso explicar que essa política, levada adiante pelos governadores e que foi colocada em oposição a Bolsonaro, na realidade não tinha, por si só, nenhum objetivo real de combate à pandemia. A quarentena era apenas uma medida para deixar as pessoas – que podem – em casa para organizar o caos que a epidemia está produzindo. Nada de uma política efetiva de testes, abertura de leitos e hospitais, compra de equipamentos como respiradores etc.

A quarentena e o isolamento social só podem ser uma política séria se vierem acompanhados por medidas efetivas de combate ao vírus. Por isso, a esquerda pequeno-burguesa ficou a reboque dessa direita quando colocou como proposta central a quarentena, transformada pela palavra de ordem “fique em casa”, e deixou em segundo plano o mais importante.

No fundamental, tanto a direita como a esquerda jogam para o povo a responsabilidade de combater a pandemia. Fica claro que se prepara, com base nisso, um pretexto para reprimir a população. A decretação do “lockdown”, que é o fechamento total e forçado das cidades, é um aprofundamento dessa política.

Os governos direitistas vão agora aumentar a repressão, atacar os direitos democráticos do povo a pretexto de combater o coronavírus. Não há agora, como não havia antes, nenhuma política sanitária efetiva.

A esquerda pequeno-burguesa, numa demonstração ainda maior da falta de uma política independente, parte para a defesa do “lockdown”. Mais grave ainda, utiliza a justiça burguesa e golpista para que ela force o governo da direita a implantar uma medida cuja principal característica é o cancelamento das liberdades democráticas do povo.

Querem com isso impedir a extrema-direita bolsonarista de realizar os atos pelo fim do isolamento social usando a Justiça bolsonarista. Uma política que se vai voltar contra a própria esquerda, o povo e suas organizações. No fim, quem realmente vai ser proibido de se manifestar será a esquerda, enquanto os bolsonaristas continuarão à vontade com a sua política.

É um abandono dos princípios básicos do que é ser de esquerda. Em primeiro lugar, porque substituem um programa tradicional exigindo que o Estado proporcione saúde, educação, condições de moradia e saneamento para o povo pela repressão pura e simples. Em segundo lugar, e mais importante, defendem que o Estado capitalista e golpista tenha total poder para suprimir as liberdades democráticas da população.

Sobre o fato de que a população pobre está sendo obrigada a trabalhar, não há nenhuma palavra da esquerda. Isso nos obriga a dizer que essa esquerda abandonou também qualquer defesa dos trabalhadores.

Antes de qualquer coisa, a esquerda deve mobilizar-se para derrubar Bolsonaro e todos os golpistas que estão preparando o genocídio do povo. Exigir uma política que dê conta efetivamente de suprir todas as necessidades do povo na crise sanitária e econômica. Para isso, o povo deve ter todos os direitos políticos garantidos.


COTV

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.