Por quê estou vendo anúncios no DCO?

Nada aos banqueiros

Lula tem que gastar dinheiro sim, porque o povo necessita

A imprensa burguesa pressiona o governo Lula para que ele adote medidas neoliberais e abandone sua promessa de governar para o povo


A vitória de Lula foi um importante marco na luta da classe trabalhadora, um triunfo do povo brasileiro na luta contra o golpe e contra a burguesia. Agora, a burguesia e seus jornais pressionam o governo Lula a não adotar a política que ele prometeu ao povo nas eleições, ou ao menos que essa política seja muitíssimo mais limitada do que ele gostaria.

Lula prometeu governar para os trabalhadores e foram justamente estes, o povo pobre brasileiro, que o elegeram. Todos devem se lembrar das promessas de “picanha e cerveja” ou até mesmo do tom mais radical que Lula tomou no segundo turno falando com firmeza contra o teto de gastos e as privatizações. Mesmo assim, antes mesmo de tomar posse, a imprensa burguesa já anuncia que Lula não deve seguir com seu programa. Pelo contrário, dizem incessantemente que ele precisa ir cada vez mais à direita e se preocupar com os “tetos” e as “responsabilidades” da burguesia, como se seu governo fosse um possível governo FHC.

Para tal, utilizam-se da chantagem de que os gastos com grandes programas sociais, gastos com educação, saúde, e todos os gastos programados para tirar o povo da miséria e dar dignidade aos brasileiros, arrombariam o orçamento do governo e aumentariam as dívidas do País. Seriam um “desastre fiscal”, como disse Marcos Mendes, pesquisador associado do Insper, em entrevista ao Jornal da CBN.

De acordo com Marcos Mendes, divulgado tanto pelo Valor Econômico como pela CBN, ao permitir o descumprimento do teto para cumprir todas as promessas de campanha, esse déficit pode ir a R$400 bilhões. “Não seria exagero classificar isso como um desastre fiscal. O governo já ia começar com um problema muito grande”

Outras matérias já criticam duramente Lula por pedir uma “licença” para gastar de R$25 bilhões a R$30 bilhões fora do teto de gastos públicos em infraestrutura e habitação no próximo ano. O que, para o Estado de São Paulo e a Folha de São Paulo, bem como para todo o conglomerado da imprensa golpista, é um ultraje e vai resultar em um desastre econômico.

É importante ficar claro, trata-se de uma pressão dos capitalistas e do imperialismo. E Lula precisa ignorar essas pressões porque o seu único compromisso deve ser com o povo, não com a burguesia e os golpistas. 

Lula precisa sim gastar com os programas sociais, porque o povo precisa urgentemente de auxílios como o Auxílio Brasil e o Bolsa Família, de construção de moradias, aumento real do salário, emprego, arroz e feijão na mesa, escola, hospital etc. E foi por acreditar que o governo Lula poderia suprir tais necessidades que o povo pobre brasileiro votou em Lula.

Agora, outra coisa também precisa ser esclarecida, o governo tem sim dinheiro para isso. Todo o problema das “dívidas”, “tetos” e “orçamentos” é um problema para o lucro da burguesia, e ele seria facilmente resolvido reduzindo os gastos com a burguesia e os seus funcionários. Os gastos com a máquina repressiva do estado que esmaga o povo, com os burocratas fisiológicos, os pistoleiros, com os banqueiros, etc. De fato, há sim muito dinheiro.

Lula não deve acatar as pressões da imprensa burguesa que querem que ele governe como um tucano, mas sim, deve atender às reivindicações do povo que quer que ele seja um verdadeiro governo democrático, um governo popular.


COTV

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.