Por quê estou vendo anúncios no DCO?

Grãos ucranianos

Egito cancelou contratos para compra de trigo da Ucrânia

Egito cancelou contratos para compra de 240 toneladas de trigo da Ucrânia


─ RIA Novosti, tradução do DCO ─ O Egito rescindiu contratos para a compra de 240.000 toneladas de trigo da Ucrânia, informou a Reuters, citando fontes.

A Direção Geral de Fornecimento de Bens do Egito (GASC) liberou a Nibulon e a Inerco das obrigações contratuais.
Segundo a agência, os contratos foram assinados em dezembro do ano passado com preços que variam de US$ 346 a US$ 360 por tonelada. Devido à situação na Ucrânia , a carga reservada nunca foi entregue.

Em Istambul, em 22 de julho, foram assinados acordos sobre o levantamento das restrições ao fornecimento de produtos russos para exportação e sobre a assistência da Rússia na exportação de grãos ucranianos.

O acordo, que foi assinado por representantes da Rússia, Turquia , Ucrânia e ONU , envolve a exportação de grãos, alimentos e fertilizantes ucranianos através do Mar Negro a partir de três portos.
De acordo com o secretário de imprensa presidencial, Dmitry Peskov , a Rússia está pronta para fazer todos os esforços para garantir que os grãos ucranianos entrem nos mercados mundiais.


COTV

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.