Estados Unidos

Pré-candidatura de Ron DeSantis: fiasco à vista?

Ron DeSantis é um candidato que está sendo impulsionado pelo imperialismo para atacar Trump

Nessa quarta-feira (25), Ron DeSantis, atual governador da Flórida, anunciou que é pré-candidato à Presidência dos Estados Unidos nas eleições de 2024. O anúncio foi feito por meio de uma transmissão ao vivo no Twitter, contando com a participação, inclusive, de Elon Musk, dono da rede social. Uma escolha pouco ortodoxa alvo de uma chuva de críticas, principalmente pelo fiasco que foi.

Durante a transmissão, vieram à tona uma série de falhas técnicas, como microfones com ecos, longos períodos de silêncio e falhas que fechavam os aplicativos de celular, que deram um tom extremamente amador ao lançamento. Segundo responsáveis pelo evento, os erros ocorreram em decorrência da quantidade de pessoas presentes: a primeira tentativa, que durou 20 minutos, contou com mais de 600 mil ouvintes, mas DeSantis não conseguiu nem mesmo falar. A segunda, bem menor, teve por volta de 100 mil pessoas.

O governador, membro do Partido Republicano, está sendo impulsionado pelo imperialismo como uma alternativa a Trump. Finalmente, o ex-presidente, a todo momento perseguido pelo regime vigente, é uma força antissistema no sentido de que não representa os interesses da ala principal do imperialismo. Isso, em conjunto com a ausência de uma verdadeira esquerda no país, fez com que Trump se tornasse um importante líder da extrema-direita, capaz de mobilizar uma quantidade significativa de pessoas em prol de sua política.

O imperialismo precisa, portanto, neutralizá-lo, e é aí que entra Ron DeSantis. Seu caráter artificial pode ser aferido, inclusive, pelo próprio fiasco do evento de lançamento de sua candidatura. Esse tipo de trapalhada é típico de uma campanha artificial, de algo montado pelo regime com um objetivo político específico. Tamanha foi a fraude que até mesmo Trump caçoou de DeSantis, publicando uma série de críticas ao agora pré-candidato em sua rede social Truth.

Apesar de todos os esforços do imperialismo, a manobra para alavancar DeSantis não está sendo bem sucedida. Pesquisas recentes colocam Trump em franca vantagem sobre o governador da Flórida: o ex-presidente tem 53,9% das intenções de voto dentro do GOP (Grand Old Party), enquanto que DeSantis possui apenas 26% segundo sondagem da CNN divulgada também na quarta-feira.

No fim, tudo indica que será inviável tirar Trump das eleições do ano que vem. O ex-presidente possui um amplo apoio político que se traduz, inclusive, nas ruas. Basta observarmos a invasão do Capitólio e a reação dos setores trumpistas à tentativa recente de prender Trump – tentativa que, diga-se de passagem, também falhou.

Para sabotar a candidatura de Trump, a alternativa para o regime imperialista seria fazê-lo “no tapetão”, ou seja, apelando para uma manobra muito mais escancarada de intervenção no processo eleitoral. Isso, todavia, traria o risco de uma enorme crise no seio do principal país imperialista de todo o mundo. Algo gravíssimo para o sistema imperialista principalmente quando levamos em consideração que a crise pela qual passa o regime atualmente é inédita e profunda.

Por fim, a situação política nos Estados Unidos é importantíssima ao Brasil, pois revela uma série de conclusões completamente relacionadas pelo que passa o País neste momento. Fica claro, por exemplo, que não adianta chamar nem a polícia, nem os juízes para atacar a extrema-direita. Esta sairá ainda mais fortalecida, como foi com Trump que, agora, tem a total capacidade de retornar ao posto de presidente.

Gostou do artigo? Faça uma doação!

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.