Faltou o rei

Oscar sabota Pelé, mais famoso que qualquer ator de Hollywood

Pelé, uma das maiores celebridades do mundo, falecido em 29 de dezembro do ano passado, em momento algum foi mencionado ao longo da premiação

A 95º cerimônia de entrega dos Academy Awards, ou mais como é mais conhecido popularmente, o Oscar, aconteceu no dia 12 de março no Teatro Dolby, em Los Angeles. Como se sabe, este evento anual tem por objetivo premiar os melhores atores, técnicos e filmes do ano de 2022. Além disso, como acontece após anunciado o ganhador de cada categoria, o agraciado profere algumas palavras em agradecimento ou chama atenção para alguma discussão. Entretanto, Pelé, uma das maiores celebridades do mundo e, com certeza a maior, no que diz respeito ao futebol, falecido em 29 de dezembro do ano passado, em momento algum foi mencionado ao longo da premiação. Pelé inclusive era entusiasta do cinema atuou e financiou vários filmes.

Como já foi dito, Pelé, o rei do futebol, faleceu no final do ano de 2022. Este fato foi responsável por causar uma comoção em nível internacional ao ponto de inúmeros chefes de estado declararem sua admiração pelo atleta. Sem contar o sentimento de perda e, ao mesmo tempo de admiração, que a morte de Pelé provocou em meio à classe trabalhadora, que tem no futebol parte de sua própria constituição como brasileiro.

Vale lembrar, que Pelé, o atleta do século, já era considerado como tal desde os anos de 1980, quando realizada uma eleição com a participação de vinte jornalistas de diversos países pelo jornal francês L’Équipe. Além do mais, foi um dos principais responsáveis por popularizar o futebol em todo o mundo, sendo responsável, inclusive, por paralisar uma guerra, para que ambos os lados em conflito pudessem assistir o craque brilhando em campo. Contudo, Pelé, em momento algum, foi reconhecido, sequer mencionado, no evento.

Um fato como este demonstra que o Identitarismo serve apenas como cortina de fumaça e para disseminar confusão entre a classe trabalhadora, já que até em solo americano, no qual foi desenvolvida, diga-se de passagem, pelo partido democrata e universidades americanas, não conseguiu pressionar os organizadores da premiação para que estes dedicassem um momento para homenagear uma pessoa, mesmo negra, que tanto fez pelo esporte, pelo futebol. Até porque Pelé é mais famoso do que qualquer celebridade presente no Oscar. O mesmo silêncio se repetiu aqui também, na esquerda brasileira, tão adepta e propagadora da ideologia indentitária.

Gostou do artigo? Faça uma doação!

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.