Iêmen entra em cena

Marinha dos EUA: Mar Vermelho não é mais seguro pra nossos navios

O Mar Vermelho, que se liga ao mediterrâneo pelo Canal de Suez, deixou de ser seguro para os EUA devido as ações dos Ansar Alá (Hutis) do Iêmen em defesa da Palestina

A Administração Marítima dos Estados Unidos emitiu um aviso na terça-feira alertando todas as embarcações dos EUA de que a área do Mar Vermelho não é mais segura para navegar e os alertou a terem cuidado com possíveis ataques de mísseis ou drones se penetrarem na área.

“Há relatos de que vários drones e mísseis foram lançados do Iêmen para a região do Mar Vermelho em 19 de outubro de 2023. Exercite cautela ao transitar por esta área”, dizia o aviso, acrescentando que o alerta está em vigor de 23 a 30 de outubro.

No dia 19 de outubro o movimento Ansar Alá do Iêmen, também chamados de Hutis, lançaram misseis cruzeiro e vários drones no mar vermelho, provavelmente em direção à “Israel”, que foram interceptados pela marinha dos EUA. Essa situação fez a Marinha dos EUA emitir seu aviso.

O Mar Vermelho é uma região importantíssima por ser o acesso para o Canal de Suez por onde passam bilhões de dólares em mercadorias todos os dias. 

Gostou do artigo? Faça uma doação!

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.