Flanco aberto

IBAMA não quer acordo: o povo que passe fome!

A exploração do petróleo na Amazônia enfrenta forte resistência dos inimigos do País e do miserável povo brasileiro

A disputa entre o governo Lula e Ministério do Meio Ambiente para a liberação da pesquisa sobre o petróleo na Foz do Amazonas permanece. O ministério comandado Marina Silva, que tem em suas mãos o Ibama, continua negando para a Petrobrás o direito de pesquisar e explorar petróleo naquela região.

“Em licenciamento não se faz acordo. Se a decisão fosse politica caberia. Mas, por ser técnica, não cabe a conciliação”, disse ao Estado de S. Paulo o presidente do Ibama, Rodrigo Agostinho. Na mesma linha a ministra Marina Silva afirmou que “em um governo republicano e democrático, decisões técnicas são respeitadas. A palavra está com o Ibama”.

Não é surpresa que Marina Silva é uma funcionária do George Soros infiltrada no governo Lula. E nesse momento trabalha para evitar que a empresa de petróleo brasileira possa explorar essa importante matéria-prima no Brasil.

Escondidos sob o manto da proteção do meio-ambiente, esses agentes se colocam a favor do imperialismo e contra o governo nacionalista de Lula. É muito curioso a quantidade de tempo e palestras que a ministra do meio ambiente brasileira passa discursando para pessoas e ONGs que tem interesse direto na Amazônia e nas riquezas da região.

Por outro lado, o atual presidente vem fazendo uma defesa ferrenha do desenvolvimento econômico daquela região, local onde concentra o maior número de pessoas inscritas no bolsa família e outros programas sociais. A exploração do petróleo na Amazônia, portanto, seria um fonte de renda e riqueza não apenas para o Brasil, mas toda a população que vive por ali.

É importante destacar que o governo não se renda ante as demagogias de verniz ecológico, que apesar de saírem daqueles que se dizem defensores da fauna e a flora, servem ao imperialismo e ainda querer desestabilizar o governo por dentro. Marina está se colocando em um rompimento cada vez mais direto ao governo.

É preciso colocar para fora todos esses cavalos de Troia inseridos no governo, inclusive em ministérios como o do Meio Ambiente, que pode possibilitar um desenvolvimento econômico e regional, mas está sendo usado para travar o governo e abrir um flanco de ataque para a imprensa golpista, e o imperialismo.

Gostou do artigo? Faça uma doação!

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.