Internacionalismo

EUA exploram trabalho infantil de refugiados

O crescimento da exploração de trabalho infantil nos EUA está associado do aumento da entrada ilegal de crianças latino-americanos desacompanhadas

Há uma fantasia de que os Estados Unidos seria o país das oportunidades e da meritocracia, onde os políticos não são corruptos e as leis são respeitadas. Este conto “dallagnolesco” considera que o principal centro econômico do planeta estaria livre da psicopatia própria do sistema capitalista, práticas criminosas e desumanas seriam inerentes a países atrasados como o Brasil. Um levantamento sobre o aumento do trabalho infantil derruba essas teses e apresenta um face ainda pior desse tipo de exploração no país norte-americano.

Os dados levantados apontam um crescimento muito significativo, a exploração do trabalho infantil no país teve aumento de 69% desde o ano de 2018. Na última operação de fiscalização desse tipo de crime, foi registrado o emprego de aproximadamente 3800 crianças em 835 empresas. O elevado número de empregadores infratores revela se tratar de uma prática comum no país, os patrões não demonstram preocupação com as penalizações, ou seja, multas que podem chegar a 15 mil dólares.

Estas informações já seriam bastante chocantes se tratando de exploração de trabalho infantil, mas a situação é ainda pior, uma vez que, o crescimento desse tipo de exploração está associado ao aumento da entrada de crianças latino-americanas desacompanhadas dos pais nos Estados Unidos. No ano de 2022, foi registrado o número de 130 mil menores nesta situação no país, o governo federal deveria supostamente os proteger de práticas como tráfico de crianças, desses 86 mil não se tem qualquer rastro. É certo que parte significativa desses menores vivem de maneira clandestina com medo dos campos para refugiados.

A maior parte dessas crianças fogem de países da América Central, os quais sofrem todo tipo de golpe, pilhagem e sabotagem do imperialismo. A miséria e destruição econômica, que resulta da política imperialista, provoca esse fenômeno migratório. Nos países opressores, aos refugiados uma exploração brutal é imposta, não possuem direitos como trabalhador e vivem em habitações precárias. A exploração do trabalho daqueles que perderam seus protetores tentando adentrar no país ilegalmente revela a face nazista da burguesia.

Assim como instituições internacionais controladas pelo imperialismo como a ONU, o governo de Joe Biden não merece nenhuma confiança, são eles finalmente os responsáveis por toda situação de degradação das condições de vida em âmbito global. É preciso impulsionar mobilizações em todo o mundo para denunciar a exploração promovida pelo imperialismo e apoiar os países atrasados na luta pela sua emancipação.

Gostou do artigo? Faça uma doação!

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.