FMI prevê

Contração da economia do Reino Unido, e crescimento da russa

Mesmo sofrendo sérias sanções econômicas as Produto Interno Bruto da Rússia sofre menos que o de países europeus

Ao contrário do que tentou prever os países imperialistas quando estipularam sanções economias à Rússia, usando como pretexto a guerra por procuração que está sendo causada na Ucrânia, onde a OTAN, Organização do Tratado do Atlântico Norte, e o imperialismo tentam atacar de todas as formas possíveis a Rússia, a economia da Europa e principalmente da Inglaterra tem declinado, enquanto o desempenho econômico russo tem crescido.

Segundo o Fundo Monetário Internacional, 2023 será um ano de recessão para o Reino Unido, enquanto a Rússia aponta crescimento economico. Mesmo em guerra e sob sanções, a economia russa deve encerrar o ano com leve crescimento, de 0,3%. De acordo com o FMI, a economia britânica vai encolher 0,6% neste ano, ante previsão anterior de expansão de 0,3%.

Em matéria publicada no Globo no final de janeiro de 2023, as demais economias do G7 tiveram seu desempenho econômico revisado para cima em 2023. Até as perspectivas para a Rússia melhoraram. Em outubro, a previsão do Fundo era que os russos enfrentassem nova contração no ano, desta vez, de 2,3%. Agora, a previsão é de alta de 0,3% do PIB.

A previsão de queda para o Reino Unido, vem acompanhado de uma nova estimativa publicada pelo The New York Times na última sexta-feira (10), o que assombrou ainda mais os analistas económicos britânicos. Paul Johnson, diretor do grupo de pesquisa do Instituto de Estudos Fiscais, disse que é “difícil ver o que está impulsionando” a previsão do FMI para o Reino Unido e por que ela “se deteriorou desde o outono”.

Os motivos dessa recessão no Reino Unido são claras: as sanções contra a Rússia são mais prejudiciais aos países europeus do que o próprio país sancionado. A situação se dá principalmente pelo aumento da energia, do gás, importações dos Estados Unidos, e também o fator combustível que é de péssima qualidade e está vindo da Índia.

Outra questão importante é a especulação gigantesca que essas sanções contra Rússia estão causando no Brexit, e que tem encontrado dificuldade para negociar com países vizinhos. Por outro lado, e economia Russa, superou as expectativas de 2022 de acordo com o site de noticias Prensa Latina. No entanto, a tentativa de manipular a situação econômica feita pela imprensa imperialista contra a Rússia não tem dado muito certo.

Gostou do artigo? Faça uma doação!

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.