CPI do 8/1

Congresso está mais inclinado ao golpismo do que ao governo

Mesmo os partidos da “base aliada” estão contra Lula

Já foram coletadas 191 assinaturas na Câmara dos Deputados e 35 no Senado para a abertura de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investigue o protesto bolsonarista do dia 8 de janeiro. É mais do que o necessário para a abertura de uma CPI.

Essa é uma vitória da oposição ao presidente Lula, cujo governo não tem interesse nessa CPI. Por quê? Ora, porque o principal objetivo é apontar o próprio governo Lula como grande responsável pelo 8 de janeiro, como se fosse uma conspiração para o início de uma grande repressão aos opositores e, assim, consolidar a ditadura de Lula.

Trata-se, claramente, de uma visão bolsonarista radical. E esse projeto teve o apoio mais que necessário nas duas Casas do Congresso. Não é apenas uma grande vitória da oposição genérica, mas uma grande vitória da ala mais radical da direita. Comprova a força do bolsonarismo, mesmo tendo sido derrotado na eleição para a Presidência da República e mesmo com seu líder fugido para o conforto do Tio Sam.

Editorial publicado ontem (10) pelo jornal O Estado de S.Paulo, representante de um importante setor golpista de direita, está muito correto ao afirmar que “está-se diante de um governo politicamente debilitado, pois incapaz de articular uma base de apoio congressual mínima para barrar o movimento da oposição ainda no nascedouro”.

Isso por si só já é uma refutação da tese de que o 8 de janeiro teria sido forjado por Lula para consolidar seu poder. Fosse verdade, teria sido um genuíno tiro pela culatra. O governo está realmente fragilizado e isso é comprovado pelas assinaturas da CPI. Até mesmo parlamentares da chamada “base aliada” apoiaram a abertura da Comissão.

Lula não tem o apoio nem mesmo daqueles que deveriam apoiá-lo. Senadores do União Brasil, MDB e outros partidos de direita que teriam de apoiar o governo também votaram em Rogério Marinho, o candidato rival de Rodrigo Pacheco, apoiado por Lula na disputa pela presidência da Casa. Os ministros Daniela Carneiro e Juscelino Filho (União Brasil) e Alexandre Silveira (PSD) entraram em contradição direta com Lula, a ponto de infestarem seus setores de bolsonaristas e funcionários da direita.

Arthur Lira, presidente da Câmara dos Deputados, que entende mais do que ninguém o funcionamento dos esquemas do Congresso, e que fez aliança com Lula, alertou que o governo não tem uma base consolidada. Não há mais como negar isso. O PT e a esquerda embriagaram-se com as ilusões de que, fazendo inúmeras concessões à direita, como entrega de Ministérios e diversos cargos, obteriam o seu apoio.

O “Estadão” também acerta quando afirma que “se não reúne quantidade de votos nem sequer para abafar a instalação de uma CPI tão indesejável, o governo não deveria acalentar otimismo quanto às perspectivas de aprovação de qualquer projeto de seu interesse”. A tão propalada “governabilidade”, em nome da qual o PT fez tantas concessões à direita, comprova-se uma enorme ilusão.

Tudo isso indica que é mais fácil o Congresso partir para uma investida golpista contra Lula (com apoio dos “aliados” de direita dentro do governo) do que ajudá-lo a governar o País.

Já passou da hora de Lula, do PT e da esquerda deixarem de lado suas esperanças inocentes no apoio da direita golpista e trocarem-na pela única aliança que pode fazer com que esse jogo vire. A aliança com o povo trabalhador, com os 60 milhões que votaram em Lula e com os outros milhões de operários que estão ao Deus-dará e que podem ser facilmente cooptados pelo bolsonarismo, caso a esquerda não haja.

Gostou do artigo? Faça uma doação!

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.