Por quê estou vendo anúncios no DCO?

Campanha

Pelo direito de férias de Neymar e dos jogadores brasileiros

Até isso é motivo para atacar Neymar

Conforme chamamos a atenção várias vezes, vale tudo quado o assunto é atacar o futebol brasileiro e os jogadores. A mais nova é acusar Neymar de tirar férias. Sim, parece estranho, mas foi isso.

Casagrande, que se apresenta como esquerdista, mas é um funcionário do milionário empresário dono da Folha de S. Paulo golpista, foi um dos que acusaram Neymar de ter tirado férias:

“Li agora que ele recusou as férias e já voltou a treinar com o seu clube, o PSG, mesmo com a enorme frustração de ter perdido a final. Qualquer “diferença” com algum brasileiro é só mera coincidência.”

A comparação do grande francês com Neymar. É interessante notar que sempre haverá um europeu para ser chamado de superior, seja lá por qual motivo. Mas voltemos para as férias.

Primeiro, será que Neymar fez alguma coisa de errado em ficar em seu país algumas semanas após a Copa de férias? Parece que não. Ele não descumpriu nada, voltou ao PSG quando era para ter voltado. Se Mbappé quis voltar antes, azar o dele. Também é preciso sempre suspeitar dessas informações jogadas na imprensa.

Ser jogador de futebol não é um trabalho qualquer. Seria injusto comparar essa atividade com a de um operário, por exemplo. Mesmo assim, jogador de futebol também é ser um funcionário de um grande capitalista e até onde me consta nós defendemos o direito de férias das pessoas. Casagrande a imprensa nacional que atacam Neymar por “voltar depois de Mbappé para treinar” parecem que não prezam muito por esse direito. Para nós, por exemplo, se formos rigorosos e acreditar na informação de que o europeu Mbappé recusou suas férias, seria mais lógico chamar o francês de pelego, afinal, funcionário que abre mão de seus direito é o que?

Não há apenas o argumento trabalhista nessa história toda. Do ponto de vista do futebol acusar Neymar de tirar férias e atribuir isso – direta ou indiretamente – ao seu desempenho como jogador é ridículo.

Há uma lista de jogadores brasileiros que não só tiravam férias, como muitas vezes faltavam de treinos. Romário é um deles. Por que Casagrande não fala que Romário é um lixo de jogador por causa disso. O próprio Casagrande, até onde nos consta, era flagrado em baladas noturnas quando era jogador. O que isso tem a ver? Nada.

Quantos jogadores brasileiro não burlaram o esquema europeu para passar o carnaval no Brasil? Inúmeros. Casagrande é um grande moralista do futebol, e como todo moralista, tem teto de vidro. Ele está orientado em atacar os jogadores brasileiros, não importa como, a ordem é atacar.

Qual é o problema com Neymar? O problema é que existe uma campanha contra ele. Tudo o que os outros fazem é bom, tudo o que Neymar faz é ruim. Muitas vezes por motivos opostos um do outro atacam Neymar. Com Neymar funciona aquela frase de Machado de Assis: “preso por ter cão, preso por não ter cão”.

Gostou do artigo? Faça uma doação!

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.