Por quê estou vendo anúncios no DCO?

Novo programa

História do Brasil e Atualidade: Quem foi realmente Dom Pedro I 

Assista o programa para compreender mais sobre esta importante figura histórica, decisiva para a história do Brasil e para a história mundial.


Estreiou neste sábado o mais novo programa da grande da Causa Operária TV. Brasil: história e atualidade, teve seu primeiro da série de episódios a serem lançados a respeito da história do Brasil. Como um complemento ao curso da história brasileira, realizado pela Universidade Marxista, o novo programa, também realizado por Rui Costa Pimenta, tem como objetivo elucidar e rebater as calunias que a burguesia, o imperialismo e a própria esquerda pequeno-burguesa faz contra a história nacional, explicando minuciosamente os principais pontos de nossa história.

Como primeiro episódio, o tema central foi Dom Pedro I, o fundador da nação brasileira. Rebatendo citações de historiadores e da imprensa, Rui Costa Pimenta afirmou que todos estes setores promovem uma “falsificação histórica”. Rui descreve que “Dom Pedro comandou pessoalmente a independência com 24 anos de idade e comandou as forças que derrotaram as tropas burguesas que estavam no país”. Ao contrário do que afirmam os ditos historiadores, a independência brasileira se deu após mais de um ano de guerra, liderada por Dom Pedro I.

Além de ser o líder da independência brasileira, Dom Pedro ao sair do país, montou um exército revolucionário, que pôs abaixo o regime português absolutista e restaurando o regime constitucional. Líder de tamanhas façanhas, Dom Pedro morreu aos 35 anos, como uma liderança combativa, ao contrário do que afirmam diversos historiadores que o descrevem, na linguagem contemporânea, como um “playboy”.

No lugar de uma figura autoritária, como explicam os novos historiadores, Dom Pedro recusou o trono de Portugal e também repassou seu trono ao filho no Brasil. Durante sua vida política, enormes forças reacionárias se colocavam no volta ao poder com a derrota de Napoleão. Com apoio da nobreza, das antigas monarquias, o absolutismo voltou em muitos países europeus, inclusive em Portugal. No entanto, Dom Pedro no lugar de se tornar um dos pilares da reação europeia, na realidade se tornar o inverso do autoritarismo, expresso por seu irmão, mas sim um defensor de um governo constitucional, mesmo na figura de príncipe herdeiro de uma das principais famílias europeias.

“Uma das coisas mais fáceis do mundo era ele ter se tornado parte da reação”, afirma Rui, no entanto sua política foi totalmente antagônica a esta situação. O “homem sedento pelo poder”, cortou 80% dos gastos da Casa Real durante o período de crise econômica no Brasil, logo após a saída de seu pai, Dom João.

Outro ponto importante levantado pelo programa foi os reais motivos da saída de Dom Pedro do Brasil. Dom Pedro, ao invés de ser “expulso” com afirmam, decidiu tomar a decisão frente as pressões por setores opositores, no lugar de impor uma ditadura decide renunciar a coroa para libertar Portugal do absolutismo, morrendo posteriormente de tuberculose, doença contraída durante o período onde esteve participando do cerco em Portugal.

Todos estes pontos são fundamentais para compreender mais sobre esta importante figura histórica, decisiva para a história do Brasil e para a história mundial. Veja mais no programa abaixo:

Gostou do artigo? Faça uma doação!


COTV

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.