Métodos fascistas

DCM está a serviço da polícia bolsonarista

DCM procura instigar aparatos repressivos do estado de Bolsonaro, como a polícia e o Ministério Público, para que persigam o PCO

kiko

Em novembro do ano passado, o Partido da Causa Operária publicou neste Diário, uma série de revelações que colocavam de forma factual Boulos em conluio com o imperialismo norte-americano por meio do Instituto para Reforma das Relações entre Estado e Empresa (IREE).

Depois disso, setores da esquerda “progressista” começaram a atacar o Partido numa campanha grotesca de calúnias. Agora, fica cada vez mais claro que esses ataques têm como principal objetivo esconder as denúncias feitas pelo PCO contra Boulos, buscando interromper o debate acerca da infiltração da burguesia na esquerda nacional.

Prova cabal disso é declaração feita por Kiko Nogueira em live no próprio DCM, confira o trecho abaixo:

Fica claro, então, que, para atingir seus objetivos, a turma de Kiko quer brincar de Lava Jato. Ou seja, querem criar um clima político utilizando revelações farsescas para justificar e, acima disso, instigar a repressão por parte do estado burguês contra o PCO. Nesse sentido, o que os difere de Bolsonaro? Afinal de contas, é esse o modus operandi da burguesia, algo muito visto ser utilizado contra o PT durante o golpe.

Antes de qualquer coisa, a postura suja do DCM deve ser colocada em perspectiva: querem utilizar o estado golpista de Bolsonaro para atacar diretamente um partido comunista. Nada mais do que isso. É exatamente o tipo de mecanismo que concretizou o golpe de 2016 e serviu de eixo para o crescimento da extrema-direita no Brasil.

A cada declaração feita, a cada matéria publicada, torna-se evidente o caráter reacionário da jornada de calúnias iniciada pelo DCM. No fim, caso estivessem interessados na discussão política, no desenvolvimento da posição mais progressista para a luta da classe operária, debateriam.

Ao invés disso, não só caluniam o Partido, lançando “revelações” desprovidas de qualquer conteúdo político, o que já é nojento por si só. Vão além, levando suas “denúncias” para o campo da burguesia e do aparato repressivo, numa tentativa imunda de calar o Partido.

Que fique claro que Kiko Moro e Pedro Dallagnol não passam de ratos perto da luta que travamos diariamente contra o imperialismo. Serão superados após serem fortemente denunciados. A diferença é que o fazemos de forma política, escancarando suas posições reacionárias e criticando-os abertamente como o lixo fascista que são.

No fim, entrarão para a lata de lixo da história. Enquanto isso, os trabalhadores serão vitoriosos em sua luta pela revolução, e levaremos, como vanguarda da classe operária, esta guerra até as últimas consequências.

Aos caluniadores, o pelourinho do escárnio público

Gostou do artigo? Faça uma doação!

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.