Por quê estou vendo anúncios no DCO?

Após goleada no clássico

Torcedores do Vasco protestam contra SAF

O caso revela a farsa das SAF. Abaixo a privatização, os clubes pertencem aos torcedores!

Dezenas de torcedores do Vasco protestaram e tentaram invadir o estádio São Januário após a derrota do time para o Flamengo, por 4 a 1, na última segunda-feira, pelo Campeonato Brasileiro. O episódio ocorreu pouco depois do fim da partida.

Em vídeos que circulam nas redes sociais, é possível ver membros da torcida vascaína disparando fogos de artifício contra o portão de acesso ao estádio, localizado na Avenida Roberto Dinamite. A Polícia Militar foi acionada e dispersou o grupo por volta das 23h.

O protesto começou nas arquibancadas do Maracanã, durante o intervalo, quando o Vasco já perdia por 4 a 0. Os torcedores gritavam: “time sem vergonha”, pedindo a saída do técnico Maurício Barbieri.

Com a derrota para o Flamengo, o Vasco se tornou o penúltimo colocado do Campeonato Brasileiro.

Esses não foram os primeiros protestos de torcedores do Vasco nas últimas semanas. Recentemente, eles foram até a sede do escritório da SAF, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro, para pedir a saída da 777 Partners, grupo norte-americano que comprou o Vasco. Há duas semanas, São Januário também recebeu faixas contra presidente Jorge Salgado e o CEO do clube, Luiz Mello — que é sócio estatutário do Flamengo, o maior rival do Vasco.

Havia um protesto marcado para esta quarta-feira (7), mas a 777 Partners, mostrando total descaso com os torcedores, colocou os funcionários da SAF de home-office, “fazendo com que não haja ninguém para nos ouvir, optamos por cancelar o protesto de amanhã”, protestou a torcida vascaína.

A SAF do Vasco gastou mais de R$ 100 milhões para contratar o atual elenco, e mesmo assim o time está na zona de rebaixamento, como penúltimo colocado. Os principais investimentos foram na base, confirmando que pretendem transformar o Gigante da Colina em uma “barriga de aluguel” para clubes europeus, engordando os cofres da 777 Partners.

O caso revela a farsa das SAF. Abaixo a privatização, os clubes pertencem aos torcedores!

Gostou do artigo? Faça uma doação!

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.