Faixa de Gaza

Israel assassinou 700 palestinos nas últimas 24 horas

Esse é um dos maiores números diários de mortes desde 7 de outubro

Pelo menos 700 palestinos foram mortos nas últimas 24 horas na Faixa de Gaza – um dos maiores números diários de mortes desde a intensificação do conflito em 7 de outubro.

Do norte ao sul, os palestinos em Gaza dizem que nenhum lugar é seguro. As Forças Armadas de Israel atacaram o campo de refugiados de Jabalia pelo segundo dia consecutivo. Várias casas foram destruídas, matando dezenas de pessoas. Outras estão soterradas nos escombros.

Israel também convocou os residentes de certos bairros em Khan Younis, no sul de Gaza, a evacuar. Estradas que levam a outras partes da cidade ou mais ao sul foram destruídas ou gravemente danificadas.

Segundo o Ministério da Saúde em Gaza, mais de 15.500 pessoas foram confirmadas mortas em Gaza desde o início do conflito.

Um porta-voz da Defesa Civil Palestina disse à Al Jazeera que as condições em Gaza estão “além do desespero”, alertando que os socorristas não têm os recursos necessários para alcançar todas as vítimas dos bombardeios israelenses.

“Há dezenas de civis sendo mortos em cada ataque aéreo. Centenas também estão sendo feridos”, disse Mahmoud Basal.

Gostou do artigo? Faça uma doação!

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.