Nazismo dos dias de hoje

Combater o sionismo no Brasil e no mundo

O governo Lula não deve se alinhar, apoiar ou se submeter aos interesses do Estado nazis sionista de Israel que é uma criação do imperialismo no oriente médio

A criação do Estado de Israel foi obra do sionismo, um movimento burguês europeu que, com a ajuda do imperialismo está tentando expulsar os árabes da Palestina desde então. O movimento sionista vem de setores do imperialismo. Israel não é um país imperialista, mas os sionistas eram parte do aparato geral do imperialismo, da política colonial do imperialismo.

A própria odeia do Estado judeu é uma ideia colonial, típica dos países imperialistas do século XIX. Essa era a força motriz do que o imperialismo queria fazer no Oriente Médio, por isso eles mandam e convencem judeus a irem para a Palestina colonizar e roubar as terras dos árabes.

O sionismo é uma ideologia necessariamente fascista, é uma ideologia que se propõe a expulsar o povo de uma terra e ocupá-la. Não há como fazer isso sem ser por meio da extrema violência, por meio de invasões, milícias fascistas, crimes de guerra etc. Não há como haver um sionismo “bonzinho”. Sionismo é fascismo. E o seu maior financiador é o imperialismo, existe uma campanha imensa na imprensa burguesa para defender o Estado de Israel pagos por órgãos como a CIA, por exemplo.

No Brasil, os setores mais reacionários e direitista são os que defendem o Estado sionista de Israel, o bolsonarismo é um dos principais. Nenhum setor que se diz de esquerda ou progressista jamais poderia se colocar nesse campo. É mais do que claro a pressão que estão sofrendo governos como o do Partido dos Trabalhadores no Brasil para não apoiarem a luta legítima do povo palestino. Como o próprio presidente Lula já falou que se trata de um genocídio em marcha na Faixa de Gaza pelo imperialismo e os israelenses, é preciso mais do que discurso.

O governo brasileiro deve romper relações com o Estado sionista de Israel e denunciar todos os crimes de guerra que ocorrem neste momento contra crianças, mulheres e civis em Gaza. O Brasil não deve ficar ao lado do nazismo de nossos dias, do holocausto do século XXI. Um documento publicado pelo site de notícias Mintpress, por exemplo, deixa claro que o plano sionista é que Israel force o êxodo de 2 milhões de palestinos para o Egito, fora todo o resto que já foi expulso ou assassinado.

É preciso lutar contra o sionismo tanto no Brasil quanto no mundo. Fato este que vimos durante a semana passada foi a interferência do Mossad, serviço de inteligência de Israel, na Polícia Federal brasileira para prender supostos terroristas do Hesbolá no Brasil. Essa infiltração na soberania do país é um ataque gravíssimo à nossa soberania nacional, mais um motivo para romper completamente com a ocupação israelense.

O PT e todas as organizações de esquerda devem se posicionar abertamente contra o que acontece na Palestina nesse momento.

Gostou do artigo? Faça uma doação!

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.