Por quê estou vendo anúncios no DCO?

A justiça longe da Colômbia

Três pessoas morrem em novo massacre na Colômbia

Um dos mortos no massacre 54 de 2022 é um ex-combatente, signatário dos acordos de paz de Havana de 2016

colombia crisis protest

─ TeleSur ─ Três pessoas foram assassinadas na madrugada desta segunda-feira em Caquetá, na Colômbia, quando conversavam em um estabelecimento público no município de Porto Rico, informou o Instituto de Estudos para o Desenvolvimento e a Paz (Indepaz).

Segundo o Indepaz, homens fortemente armados chegaram a este estabelecimento público e atacaram as vítimas, identificadas como Aurelio Castro Ortiz, irmão do ex-prefeito do município de Porto Rico, Durley López Osorio e Yurlei Tombe.

Tombe é relatado como ex-combatente das ex-Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (FARC-EP), signatário do acordo de paz de Havana.

Com Orley são 27 signatários do acordo mortos em 2022 e 333 desde a assinatura do acordo de paz.
Da mesma forma, a mídia local garante que outras duas mulheres ficaram feridas no meio do tiroteio.
Organizações de direitos humanos continuam solicitando garantias para pessoas em processo de reincorporação, esses eventos continuam sendo registrados no departamento de Caquetá e sul do país, homicídios contra lideranças sociais e população civil.  
A Indepaz lembra que a Ouvidoria emitiu há dois anos um Aviso Prévio para os municípios de El Doncello e Porto Rico em Caquetá, no qual indica um constante apelo às ameaças de estruturas armadas contra a vida e a integridade da população, consistindo na distribuição de panfletos contra populações devido às suas atividades ou condições sociais. 
Segundo a organização que relata a violência armada no país sul-americano, esta situação pode estar associada à necessidade de consolidar os corredores ao departamento de Huila e ao município de San Vicente del Caguán (Caquetá).
Lembre-se, por outro lado, que este é o 54º massacre até agora este ano.

COTV

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.