Por quê estou vendo anúncios no DCO?

Liberdade para Assange!

Suprema Corte do Reino Unido nega recurso da defesa de Assange

Caso seja extraditado para os Estados Unidos, Assange será duramente torturado e, possivelmente, morto pelo imperialismo


─ Sputnik News ─ A Suprema Corte do Reino Unido negou o recurso de Julian Assange, após uma decisão de dezembro de 2021 do Supremo Tribunal de Londres, para permitir sua extradição para os Estados Unidos.

Com a determinação, nesta segunda-feira (14), da instância mais alta do Judiciário do Reino Unido, o futuro de Julian Assange está nas mãos da secretária do Interior, Priti Patel.

O jornalista investigativo, atualmente em uma prisão britânica, quer evitar uma transferência para uma cadeia norte-americana, alegando temer pela sua vida.

O cofundador do WikiLeaks é acusado de espionagem pelo Departamento de Justiça dos EUA (DOJ). Assange divulgou, em 2019, uma série documentos confidenciais dos EUA revelando uma série de crimes de guerra.

As informações foram confirmadas pelas redes sociais do WikiLeaks.

A Suprema Corte do Reino Unido recusa o apelo para a extradição de Assange. O caso agora segue para secretária do Interior, Priti Patel, que decidirá sobre a autorizar da extradição de Julian Assange.

O DOJ acusou Assange de violar a Lei de Espionagem de 1917 porque o WikiLeaks revelou documentos secretos dos crimes de guerra dos EUA no Iraque, incluindo um incidente de 2007 em Bagdá, no qual um helicóptero foi filmado atirando em civis desarmados, incluindo dois jornalistas da Reuters, episódio que o Pentágono tentou encobrir.

O vídeo, juntamente com uma série de outros documentos, foi encontrado e entregue ao WikiLeaks pela então analista do Exército dos EUA Chelsea Manning, que foi condenada a 35 anos de prisão em 2013.

Manning foi posteriormente perdoada em 2017 pelo ex-presidente dos EUA Barak Obama.

Assange enfrenta 18 acusações nos EUA que podem lhe dar uma sentença máxima de 175 anos de prisão. Ele já cumpriu três anos na prisão de Belmarsh, em Londres, enquanto aguarda a extradição.

No momento, caso Patel mantenha a decisão da Justiça, Julian Assange será extraditado para os Estados Unidos a pedido de Joe Biden.

No início do ano, outra sentença avaliou que ele não poderia ser extraditado devido a preocupações com sua saúde mental e um possível risco de suicídio.

Entidades internacionais, como a Anistia Internacional, entendem que a decisão é “uma caricatura de justiça”. As organizações encaram o caso de Assange como um pilar acerca do debate de liberdade de expressão e de imprensa.

A Anistia Internacional também acredita que, ao aprovar o recurso dos EUA, a “justiça britânica aceitou as garantias diplomáticas pouco confiáveis” do país, que afirma que não vai torturá-lo, por exemplo.


COTV

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.