Por quê estou vendo anúncios no DCO?

A pergunta que não quer calar

O que aconteceria se o DCM vasculhasse as contas de Boulos?

Ataques ao PCO, além de sujos, são ridículos quando levado em conta o que um político burguês faz nas eleições

boulos

Em sua campanha desesperada para tentar encobrir, censurar e silenciar a denúncia do Diário Causa Operária e do Partido da Causa Operária sobre as relações de Guilherme Boulos (PSOL) com o imperialismo, o Diário do Centro do Mundo (DCM) decidiu publicar uma “reportagem” em que investiga as contas públicas do PCO. Tais contas, que foram prestadas e aprovadas pela draconiana e antidemocrática Justiça Eleitoral, foram apontadas pelo DCM como indício de um suposto superfaturamento

A “reportagem”, assinada por Pedro Zambarda e Vinicius Segalla, não passa de um lixo fascistoide. Não prova nada — e não conseguiria provar — e tem como único objetivo chamar a atenção da polícia para supostas irregularidades do PCO. O próprio dono do DCM, Kiko Nogueira, chegou a pedir que o Ministério Público e a polícia fossem atrás do Partido. É uma atitude criminosa, que em nada difere daquela praticada pelos lavajatistas Sergio Moro e Deltan Dallagnol.

O PCO não tinha obrigações alguma de responder às “acusações” do DCM, uma vez que não passam de mentiras policialescas criadas para atacar um partido de esquerda. No entanto, resolveu emitir uma nota para esclarecer ainda mais o debate.

PCO publica nota sobre as “denúncias” do DCM

Na nota, o PCO analisa as próprias contas e chega à seguinte conclusão: muito ao contrário de contratar um serviço milionário de advocacia — que, segundo o DCM dá a entender, serviria para desviar dinheiro para o presidente do Partido, Rui Costa Pimenta —, o PCO faz um verdadeiro milagre para conseguir lançar seus candidatos, mesmo recebendo um valor irrisório de Fundo Eleitoral. O Partido é acusado de ter repassado R$250 mil para um escritório de advocacia, que é fato. O DCM só esqueceu de mencionar que esse valor serviu para contratar um escritório que tem de lidar com 400 processos de 143 candidatos distintos! Isto é, míseros R$1.748,25 por candidato, o que é insuficiente para cobrir todos os custos necessários para lidar com a burocracia do TSE.

Isso só é possível porque o PCO não contrata escritórios de advocacia da burguesia, mas sim porque é movido pelos próprios militantes. O companheiro Juliano Lopes, responsável pelo escritório contratado, junto aos demais companheiros que atuam nas eleições, trabalharam com prejuízo, ou seja, não gratuitamente, mas perdendo dinheiro. Vale ainda ressaltar que em 2021, o mesmo companheiro é advogado constituído em mais de 300 casos partidários ou do movimento, feitos sem nenhum pagamento!

O mesmo, no entanto, não pode ser dito de Guilherme Boulos (PSOL), político abertamente apoiado pelo DCM e por Pedro Zambarda. Em 2020, Boulos, um único candidato, gastou R$300 mil reais com serviços de advocacia, R$50 mil mais do que todos os 143 candidatos e 40 diretórios do PCO juntos! Ao todo, foram R$7 milhões em sua campanha apenas naquele ano!

Dentre os gastos que mais chamam a atenção, estão o pagamento de uma “consultoria” no valor de R$100 mil a Paula Lavigne, mulher ligada a Rede Globo e ao juiz lavajatista Marcelo Bretas, e a um curso de “media training” no valor de R$240 mil! Esses dados, ao contrário do esforço em vão que fez o DCM, podem ser encontrados rapidamente, prescindindo qualquer grande investigação. Uma pesquisa mais a fundo mostraria uma quantidade interminável de ligações mal explicadas de Boulos com setores da burguesia, como a sua participação no Instituto para Reforma das Relações entre Estado e Empresa (IREE).

O DCM, contudo, não irá atrás dessas contas. Porque sua preocupação não é com a verdade dos fatos. Não estão fazendo jornalismo, estão apenas em uma operação criminosa para calar o Partido que está expondo os podres de Boulos e de todos os cavalos de Troia no interior da esquerda.


COTV

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.