Por quê estou vendo anúncios no DCO?

Debate na Band

O PSDB espalhava mais “fake news” do que Bolsonaro contra o PT

Basta relembrar o caso da revista Veja que, em 2014, antecipou a sua edição caluniando Dilma para que saísse dias antes do segundo turno das eleições


Neste domingo (16), ocorreu o primeiro debate entre os presidenciáveis do segundo turno das eleições de 2022. O programa, transmitido pela Rede Bandeirantes, atingiu um público histórico e representou a primeira vez que Lula e Bolsonaro se enfrentaram cara a cara na televisão, um momento ímpar na história das eleições brasileiras.

Na ocasião, seguindo a linha equivocada de seus marqueteiros, de insistir em caracterizar Bolsonaro como sendo o maior mentiroso de todos os tempos, Lula afirmou que, nos debates com a direita tradicional, a verdade “sempre prevalecia”.

Primeiramente, é preciso reconhecer que trata-se de uma posição baseada na concepção de que o que está em jogo, nestas eleições, é a democracia. Nesse sentido, Lula, orientado por uma política que não parece ser a sua, procura se aproximar da direita “democrática” ao atacar Bolsonaro por um ângulo que, simplesmente, não é efetivo.

Afinal, não é verdadeira a afirmação em questão. A luta pela eleição de Lula representa, acima de qualquer coisa, a luta da classe operária contra o golpe que foi, inclusive, orquestrado pelos setores que hoje se colocam no campo democrático da política nacional. Uma farsa.

Em segundo lugar, é preciso ficar claro que a fala de Lula, no debate, também não condiz com a realidade. Finalmente, a direita tradicional, representada, principalmente, pelo PSDB, pelo MDB e pelo extinto DEM, é, historicamente, a que mais joga sujo contra a esquerda. Não é à toa que a imprensa burguesa, órgão extra-oficial desses partidos e, consequentemente, do imperialismo, é a responsável pelas mais grotescas campanhas de calúnia e difamação de toda a história.

Um exemplo oportuno, inclusive, ocorreu nas eleições presidenciais de 2014, pleito disputado entre Dilma (PT) e Aécio (PSDB). À época, a revista Veja, um dos principais periódicos da burguesia, antecipou a sua edição para que saísse poucos dias antes da data do segundo turno, pois a publicação tratava, justamente, sobre o Petrolão, um dos instrumentos do golpe contra o PT.

A capa, obviamente, ditou o tom da publicação: Eles sabiam de tudo, dizia a revista, afirmando que Lula e Dilma foram responsáveis pelo Petrolão e, consequentemente, eram grandes corruptos. Houveram, inclusive, uma série de exemplares que foram distribuídos gratuitamente para acabar com a imagem da ex-presidenta dias antes da abertura final das urnas.

Esse é apenas um dos episódios que comprova que a direita tradicional é até mais sorrateira que Bolsonaro no que diz respeito à produção e divulgação de fake news. O próprio golpe de 2016 é mais um exemplo disso, já que consistiu em uma operação montada para acabar com o PT, operação que utilizou a máquina da imprensa burguesa para criar um clima falso de perseguição à corrupção.

Nesse sentido, não existe instituição mais mentirosa do que a imprensa burguesa. O PSDB e cia. não devem ser vistos como aliados na luta contra Bolsonaro, até porque estão, inclusive, apoiando-o nesse segundo turno. Por isso, Lula deve expulsar todos os golpistas de sua campanha, a começar por Alckmin. Esse é o caminho para garantir a sua eleição ao lado da força que verdadeiramente importa: a classe operária brasileira.


COTV

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.