Por quê estou vendo anúncios no DCO?

Campanha imperialista

CIA reconhece mentira sobre “ataque supersônico” de Cuba

Em 2016, EUA acusaram Cuba de implementar um ataque supersônico contra diplomatas norte-americanos

cia (2)

─ Granma ─Que a própria Agência Central de Inteligência (CIA) reconheça agora que «as misteriosas dores de cabeça e náuseas, fenômeno manipulativamente batizado como síndrome de Havana, não foram alvo de uma operação organizada por agentes estrangeiros» não é de modo algum revelador, mas é uma confirmação muito grande daquele ditado que é, para a agência de espionagem, uma verdade eterna: as mentiras têm pernas curtas.

Essa foi a «síndrome» pré-fabricada, uma grande mentira para justificar mais ódio, mais sanções, relações diplomáticas nulas, e assim por diante na luta anticubana.

NBC News, The New York Times e outros monopólios de informação estavam entre aqueles que ampliaram as notícias de «certos incidentes» na capital cubana em 2016, cujas supostas vítimas, segundo eles, eram diplomatas norte-americanos e canadenses, embora relatórios semelhantes tenham surgido mais tarde de seus colegas estacionados em outros países.

Segundo um despacho da Prensa Latina, a investigação da CIA concluiu que a maioria dos 1.000 casos relatados pode ser explicada por causas ambientais, condições médicas não diagnosticadas ou estresse, em vez de uma campanha global sustentada por uma potência estrangeira, disseram as autoridades.

Quanto tempo levaram para reconhecer, com a pretensão de serem especialistas, a inconsistência de uma falácia que os cientistas cubanos denunciaram repetidamente como manipulação política, baseada em um «evento» sem uma única base científica.

Vale lembrar que em outubro do ano passado, um documento desclassificado do Departamento de Estado dos EUA rejeitou a teoria de que as microondas ou feixes de ultrassom causavam a «síndrome», afirmando que os ruídos eram muito provavelmente causados por grilos.

Como uma mentira no final, nenhuma das alegadas causas poderia ser provada; entretanto, seus efeitos sobre o povo cubano poderiam ser contabilizados; por ter sido um pretexto para suspender os serviços consulares em Havana forçou os membros da família interessados em viajar para países terceiros, sem a certeza absoluta de que eles seriam aceitos. Tudo isso nada mais fez do que justificar sua absurda hostilidade em relação a Cuba.

Que onde disse síndrome, já não é mais um problema para o governo dos EUA. Usar mentiras na política externa nunca foi algo que a faça corar.


COTV

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.