Por quê estou vendo anúncios no DCO?

Bloqueio imperialista

China denuncia sanções dos EUA sobre Cuba e outros países

“Os Estados Unidos lançaram revoluções de cor em outros países do mundo para derrubar e subverter os regimes legitimamente eleitos por seus povos"

chinese flag flutters at the great hall of the people in beijing

─ Prensa Latina ─ A China denunciou hoje que a imposição de sanções arbitrárias pelos Estados Unidos contra Cuba, Venezuela, Irã, Bielorrússia e outros países prejudicou o desenvolvimento econômico e, em alguns, até gerou descontentamento social.

Uma investigação acadêmica da Universidade de Renmin descreveu o caso da ilha caribenha como o mais infame de todos, pois sofreu por mais de seis décadas o bloqueio econômico, financeiro e comercial de Washington, apesar da demanda internacional para suspendê-lo de uma vez por todas.

Ele indicou que, além de Cuba, a República Popular Democrática da Coréia, o Irã e a Síria estão entre os territórios punidos por mais tempo.

“Os Estados Unidos lançaram revoluções de cor em outros países do mundo para derrubar e subverter os regimes legitimamente eleitos por seus povos e, ao mesmo tempo, promoveram o poder político pró-americano (…) como um agente de seus interesses”, afirmou o estudo.

Ele citou a Venezuela como exemplo, onde entre 2014 e 2020 a economia se contraiu, teve sete milhões de pessoas necessitando de ajuda humanitária em 2019 e uma alta taxa de inflação no ano passado.

A investigação chinesa inseriu todos esses casos, levantando várias questões sobre o sistema democrático da nação norte-americana.

O texto afirmava que, nos últimos anos, a Casa Branca utilizava o tema como pretexto para incorrer na violação dos direitos humanos e na desintegração de sua própria sociedade, enquanto externamente servia de pretexto para manter a hegemonia, intrometer-se nos assuntos internos e minar na ordem internacional.

Além desta publicação, a China divulgou neste fim de semana uma que coletou fatos, números e opiniões de especialistas e organizações mundiais sobre as fissuras dos Estados Unidos na democracia, em reação a uma Cúpula sobre o assunto que Washington realizará esta semana.

Outro documento detalhou as características de sua própria democracia e abriu um encontro internacional para discutir a origem, as diferentes formas e a eficácia na aplicação dessa forma de organização social.

Essas iniciativas precedem a cúpula norte-americana convocada para os próximos dias 9 e 10 “com o objetivo de estabelecer uma agenda de renovação democrática e de enfrentar as maiores ameaças que as nações enfrentam”.

Mas analistas concordam que a nomeação será mais uma tentativa de Washington de manter a hegemonia e conter a China.


COTV

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Diferentemente de outros portais , mesmo os progressistas, você não verá anúncios de empresas aqui. Não temos financiamento ou qualquer patrocínio dos grandes capitalistas. Isso porque entre nós e eles existe uma incompatibilidade absoluta — são os nossos inimigos. 

Estamos comprometidos incondicionalmente com a defesa dos interesses dos trabalhadores, do povo pobre e oprimido. Somos um jornal classista, aberto e gratuito, e queremos continuar assim. Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.

Quero saber mais antes de contribuir

 

Apoie um jornal vermelho, revolucionário e independente

Em tempos em que a burguesia tenta apagar as linhas que separam a direita da esquerda, os golpistas dos lutadores contra o golpe; em tempos em que a burguesia tenta substituir o vermelho pelo verde e amarelo nas ruas e infiltrar verdadeiros inimigos do povo dentro do movimento popular, o Diário Causa Operária se coloca na linha de frente do enfrentamento contra tudo isso. 

Se já houve um momento para contribuir com o DCO, este momento é agora. ; Qualquer contribuição, grande ou pequena, faz tremenda diferença. Apoie o DCO com doações a partir de R$ 20,00 . Obrigado.