Tortura, morte e humilhação: um retrato do presídio Brasileiro

Compartilhar:

No último domingo, 1º de janeiro, na capital do Amazonas, Manaus, houve uma rebelião de presos, mais de 100 presos escaparam do maior presídio do Estado. Durante o conflito morreram 56 pessoas. A imprensa burguesa fez o possível para colocar a culpa em facções que controlariam os presídios, mas não conseguem esconder que o sistema prisional está causando esses eventos de violências, e que a culpa do acontecido vai além de culpar alguma organização “demoníaca”.

Presídios cheios, sociedade violenta

Ao contrário do que a direita e o fascismo insistem em repetir, uma sociedade onde a polícia anda com armas semi-automáticas, onde morrem mais de mil pessoas por ano por mão das forças de repressão, e ainda tem a terceira maior população carcerária do mundo não é segura. Uma marca de uma sociedade pouco conflituosa e “segura”, se é que é correto colocar nesses termos, é a ausência de repressão estatal, a ação ostensiva da repressão é a marca de uma sociedade em desagregação, violenta e caótica. A sociedade que só pode se manter, da maneira que foi organizada, por meio de intensa repressão do Estado é uma que vive em intensa crise social.

Sociedade baseada no poder da burguesia, sociedade baseada na violência

Uma sociedade que é baseada no poder da burguesia, entende-se, uma sociedade governada pela ínfima minoria enriquecida, às custas do povo, só pode significar a subordinação da maioria do povo a vontade dessa minoria, em última instância só pode ser feito pela força, uma sociedade baseada na violência organizada do Estado contra o povo.

Na sociedade brasileira, a burguesia e o imperialismo levaram o país a beira do colapso com a política neoliberal, levaram milhões a uma condição de fome, de desemprego, a tensão nas relações sociais é sensível, tudo isso leva a pequenas, depois sistêmicas, explosões de revolta. O desemprego, baixos salários e a fome, por exemplo, naturalmente aumentam os crimes, o roubo, a prostituição, o assassinato. A burguesia, para garantir a sua riqueza causou isso, e controla-o com violência. Isso é intrínseco à sociedade burguesa, para combater o aumento do tráfico, por exemplo pedem mais policiais e armamentos mais letais, penas mais duras, por outro lado atacam os direitos trabalhistas, a previdência, os salários, a saúde, a educação. Dizem em alto e bom som ao trabalhador : Que ele deve sofrer e que as reclamações serão recebidas com o pior dos tratamentos, vide a campanha permanente contra os sindicatos e partidos. Isso só pode levar as pessoas a um desespero ainda maior, e pessoas desesperadas fazem coisas desesperadas, veja o caso do Amazonas.

O criminoso é um fenômeno social, não individual

Os órgãos de repressão dizem que o crime é um problema individual, que seria uma escolha de cada um, daí nasceu o cidadão de bem, claramente isso não se confirma. O crescimento do crime é proporcional ao crescimento da miséria e do desespero na sociedade. As pessoas tiram suas noções de vida do meio onde vivem, e elas modificam esse mesmo meio. Se existem muitos “criminosos” é por que a sociedade os está produzindo. Se nasce uma pessoa nasce numa situação de riqueza é provável que ela nunca faça um arrastão, já as chances são bem maior para uma pessoa que passou a vida inteira na miséria. Se o problema é social e não individual, não se pode culpar as chamadas “facções” pelo massacre no Amazonas, elas também são uma expressão da situação, a pergunta a ser respondida é porque as pessoas chegaram nesse ponto de desespero.’’

Prisão, cada vez mais comum para tratar do povo

A luta de classes é como uma panela de pressão, quando as contradições entre os interesses dos trabalhadores e da burguesia se agudizam, a pressão aumentam, ou a situação melhora para os trabalhadores e portanto abaixa-se a pressão, ou mantém-se alta e controla-a com violência.

Quando a burguesia primeiro chegou ao poder, a filosofia iluminista imperava, a prisão era abominada, a bastilha era um símbolo da autocracia e da tirania, prender alguém era considerado a última opção para os iluministas coerentes, apenas para aqueles com os quais não havia outro caminho, a pressão aumentou desde então.

Os países modernos tornaram cada vez mais comum a prisão, a ideia de que o cárcere era apenas para aqueles que representavam uma ameaça para sociedade foi substituída por uma ideia de que os criminosos tem que ser presos a qualquer custo, mesmos que sejam atropelados o devido processo legal e o os direitos individuais, o Ato Patriótico nos EUA é um bom exemplo disso, uma ideia apologista do terror estatal contra o povo. A prisão com objetivo de “reabilitar” a pessoa encarcerada foi substituída por uma justiça que pune o criminoso. Uma mentalidade religiosa que prega que “o criminoso errou e tem que pagar pelo seu erro”, que só pode levar a um sistema organizado de degradação humana, humilhação e tortura, o povo não tem serventia para esse tipo de política, que só levou a proliferação da brutalidade pela sociedade.

O inferno na terra existe, a burguesia o criou

Como resultado dos problemas colocados acima, os presídios se tornaram o inferno na terra. Os presos vivem amontoados, passam fome, não tem onde dormir, são violentados, agredidos, humilhados, um agrupamento de pessoas desesperadas como essas, colocadas em uma situação, que é a além do que a vida humana pode aguentar, esse é o depósito da sociedade burguesa para as maiores vítimas da sua barbárie, foi num desses estabelecimentos que aconteceu o massacre do Amazonas, não a culpa real a ser dada a facção ou similares..

Soltar os presos, acabar com os “crimes”, garantir direitos, uma verdadeira política de “Segurança Pública”

A direita inventou o termo “Segurança Pública” e o usa para aplicar a repressão contra o povo. Se vai se falar em segurança do público, o primeiro inimigo é o Estado, como mostrado é ele o garantidor da violência. Para garantir a segurança é necessário diminuir a pressão na sociedade, garantir empregos dignos para todos, garantir um ensino de verdade para o povo, acesso à saúde, à cultura. A brutalidade policial tem que acabar, e para isso deve ser dissolvida, substituída por uma organização popular que garanta a segurança. É preciso enxugar a legislação, todos os crimes e proibições que não forem estritamente necessários para o funcionamento da sociedade tem que deixar de existir, os que ficarem tem que ter penas reduzidas, os direitos individuais tem que ser garantidos e as prisões têm que se tornar a última opção, não a primeira, elas tem que deixar de ser o depósito de pessoas que elas são hoje, as pessoas que nela chegam tem que ser tratados com humanidade e deve ser feito o possível para que ele volte melhor adaptado, o problema do crime é o problema da sociedade, começa-se a consertar a sociedade e portanto começa-se a consertar o problema do crime.

artigo Anterior

Assis-SP: Trabalhadores da Santa Casa em greve contra o aumento da jornada

Próximo artigo

Para entender melhor a situação política assista Análise Política da Semana

Leia mais

23 Comentários

  1. There are definitely plenty of particulars like that to take into consideration. That may be a great point to convey up. I provide the ideas above as common inspiration but clearly there are questions like the one you deliver up where the most important factor shall be working in trustworthy good faith. I don?t know if finest practices have emerged around issues like that, however I’m certain that your job is clearly recognized as a fair game. Each girls and boys feel the impact of only a moment抯 pleasure, for the remainder of their lives.

  2. I precisely desired to say thanks again. I am not sure the things I could possibly have achieved in the absence of the creative concepts contributed by you relating to this question. Previously it was an absolute horrifying dilemma in my view, nevertheless looking at a specialized form you managed it forced me to leap over happiness. I’m just happy for the support and even trust you are aware of an amazing job you have been accomplishing teaching other individuals through the use of your web page. Most probably you have never got to know all of us.

  3. Aw, this was a really nice post. In thought I would like to put in writing like this moreover ?taking time and actual effort to make an excellent article?however what can I say?I procrastinate alot and by no means seem to get one thing done.

  4. I precisely desired to thank you very much once again. I am not sure the things that I would have created without these opinions shown by you regarding my subject matter. Certainly was an absolute depressing matter for me personally, but coming across a specialised tactic you solved that made me to leap over gladness. I’m thankful for your work and as well , sincerely hope you know what an amazing job that you are providing teaching others through your website. Probably you haven’t met all of us.

  5. Oh my goodness! an amazing article dude. Thank you Nevertheless I am experiencing difficulty with ur rss . Don抰 know why Unable to subscribe to it. Is there anyone getting an identical rss drawback? Anybody who knows kindly respond. Thnkx

  6. This is the fitting blog for anyone who wants to find out about this topic. You notice a lot its nearly onerous to argue with you (not that I actually would need匟aHa). You positively put a brand new spin on a subject thats been written about for years. Nice stuff, just great!

  7. There are some interesting cut-off dates on this article however I don抰 know if I see all of them heart to heart. There may be some validity however I will take maintain opinion until I look into it further. Good article , thanks and we would like extra! Added to FeedBurner as properly

  8. After I initially commented I clicked the -Notify me when new comments are added- checkbox and now every time a remark is added I get 4 emails with the identical comment. Is there any way you’ll be able to take away me from that service? Thanks!

  9. I must express some appreciation to the writer for bailing me out of this situation. Because of looking throughout the online world and seeing ideas that were not helpful, I was thinking my life was done. Existing minus the strategies to the issues you have fixed through your entire website is a serious case, as well as the kind which may have in a wrong way affected my entire career if I had not come across your web blog. Your main understanding and kindness in dealing with everything was tremendous. I’m not sure what I would have done if I hadn’t encountered such a stuff like this. I can also now relish my future. Thank you so much for your impressive and amazing help. I will not think twice to refer your blog to anybody who would like guide on this matter.

  10. There are some attention-grabbing deadlines on this article however I don抰 know if I see all of them middle to heart. There is some validity however I will take maintain opinion until I look into it further. Good article , thanks and we wish more! Added to FeedBurner as nicely

  11. Nice post. I study something more difficult on different blogs everyday. It’ll all the time be stimulating to read content material from different writers and follow a bit something from their store. I抎 favor to use some with the content material on my weblog whether or not you don抰 mind. Natually I抣l offer you a link on your net blog. Thanks for sharing.

  12. I want to express my appreciation to the writer just for bailing me out of this scenario. After surfing around throughout the online world and seeing principles which are not powerful, I figured my life was gone. Being alive without the presence of strategies to the issues you’ve solved by way of your entire report is a crucial case, and those which might have in a negative way damaged my career if I had not encountered your website. Your personal skills and kindness in dealing with everything was priceless. I don’t know what I would’ve done if I hadn’t discovered such a subject like this. I can also at this point look forward to my future. Thank you so much for this reliable and result oriented guide. I won’t think twice to propose your blog post to any individual who desires tips on this situation.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.