Janaína Paschoal: a fiscal de banheiro público

Compartilhar:

A autora do processo jurídico do impeachment resolve limpar a sujeira

Janaína Paschoal, a advogada que, juntamente com o dissidente Hélio Bicudo e o fascista Miguel Reale Júnior, escreveram a peça jurídica sem pé nem cabeça que foi usada para enfeitar o fraudulento processo de impeachment contra a presidenta da República, Dilma Rousseff, parece resolvida a limpar a sujeira a que submeteu o Brasil. Ela será fiscal de banheiro do parque do Ibirapuera, colaborando, dessa forma, para dar maior brilho à gestão de João Dória.

Dória, que em sua jornada de estreia, travestira-se de varredor de ruas, pretende que sua administração seja a mais limpa de todas. Para isso, vai contar com a ajuda de Janaína Paschoal, aquela que pretendia acabar com os ofídios brasileiros, ou, como ela mesma dizia, com a república da cobra. E, já que não gosta de cobra, vai limpar as latrinas do Ibirapuera sem cobrar.

Um país sem cobra e uma cidade sem cobro são coisas que combinam com um Brasil sem cobre.

Quanto a João Dória, ele está disposto a imitar o populismo de Jânio Quadros. Em vez da vassourinha, o vassourão. A vassourinha fica com a Janaína para limpar as privadas. Afinal, se João Dória quer privatizar o parque do Ibirapuera, é preciso que as privadas estejam claras.

Tudo parece fazer sentido. João Dória disse que não seria um prefeito, mas um gestor. E Janaína, que sujeitou o Brasil a uma grande indigestão terá que dar fim ao produto final dessa indigestão. Essa parceria Dória-Janaína será um bom gesto do prefeito-gestor.

Mas será preciso que tal parceria dê certo, caso contrário haverá cobranças, o que provocará um enorme cobreiro na cabeça de nossa advogada. E ela não terá remédio a não ser pagar o pato. O povo vai cobrar e ela terá de aguentar, mais uma vez, se não a república da cobra, a república do cobro.

artigo Anterior

Para entender melhor a situação política assista Análise Política da Semana

Próximo artigo

“Garicatura”, por Renato Aroeira

Leia mais

1 Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.