Até no PSDB… Fora Aécio

Compartilhar:
Até no PSDB… Fora Aécio. 1

Em 2016, a presidenta Dilma Rouseff, eleita legitimamente, foi derrubada da presidência da República por meio de um impeachment farsesco, fraudulento e criminoso. O capitão do golpe? O PSDB e o seu líder Aécio Neves, subordinados dos imperialistas.

E o imperialismo deu o golpe no Brasil para espoliar as nossas riquezas, liquidar com a nossa economia, atacar a classe operária levando-a a um estado de penúria e miséria jamais visto no país, para dar uma pequena sobrevida a um sistema capitalista que há muito tempo agoniza.

Passado mais de um ano do golpe, que levou o País a um caos absoluto, a direita golpista agora não sabe o que fazer para consolidar e legitimar o crime. E por que? Porque precisam passar por um processo eleitoral para eleger um candidato que vá levar adiante e aprofundar o ataque à economia e a população mais pobre. Porém, há um Lula no meio do caminho, e o PMDB, que, amparado pela burguesia nacional, se recusa a ser “Boi de Piranha” dos imperialistas. E é esse o epicentro da crise, não só do PSDB, mas como também de toda a direita golpista.

Sem apoio popular, a situação fica muito complicada, e a exemplo de setores do PMDB que se recusam a pagar o pato para colaborarem com o plano dos imperialistas, Aécio Neves se torna o pivô da crise dentro do Tucanato. Toda a confusão que se seguiu à sua absolvição no STF, passando pela destituição de Tasso Jereissati, colocando Alberto Goldman no lugar, desembocaram na convenção do partido no último dia 12/11 em São Paulo.

O evento que elegeu o governador de São Paulo à presidência do partido e praticamente impulsionou a sua candidatura à presidência da República em uma eventual eleição em 2018, foi marcada por uma enorme confusão interna. Foram ouvidos inclusive gritos de “Fora Aécio”. Exatamente isso o que aconteceu; O próprio PSDB que costuma proteger os seus infratores, quer a cabeça do Senador Mineiro, adversário derrotado de Dilma Rouseff.

artigo Anterior

Candidatos da esquerda pequeno-burguesa são impulsionados pela direita

Próximo artigo

15/11: direita convoca coxinhas para apoiar intervenção militar

Leia mais

Deixe uma resposta