15/11: direita convoca coxinhas para apoiar intervenção militar

Compartilhar:
15/11: direita convoca coxinhas para apoiar intervenção militar

Devido ao fato de estar desde 2013 alertando a esquerda e a população brasileira sobre o perigo do golpe e de uma intervenção militar, o PCO tem sofrido toda sorte de ataques. Dentre as muitas ofensas e críticas, uma delas é a de que o PCO seria um partido “alarmista”, que estaria exagerando criando alarme com o que seria “um raio em céu azul” e, dessas forma, assustando a todos sem a menor necessidade.

Desde o golpe dado ano passado, na forma do impeachment fraudulento da presidenta Dilma, entretanto, tem ficado cada vez mais difícil sustentar essa posição.

Nesta quarta-feira, 15 de novembro, a direita mais uma vez aparece provocando toda a população brasileira. Usando como suposta justificativa o dia da Proclamação da República, a direita golpista procura ressuscitar os odiosos coxinhas, que estrelaram o espetáculo grotesco dos atos convocados pela FIESP em 2015 e 2016 e que apoiaram a ida ao governo Michel Temer e toda a quadrilha do PSDB, DEM e PMDB, e todo o seu ataque contra o povo brasileiro e a economia nacional.

Assustado com os resultados da onda direitista que apoiaram, boa p desses “coxinhas” guardaram as panelas e as camisas da CBF e passaram a rejeitar o governo que ajudaram a parir, ficando calados.

Dessa vez, entretanto, a reivindicação dessa direita é ainda mais perigosa: esses atos estão sendo convocados sob a palavra de ordem de intervenção militar. De acordo com vídeo publicado em um canal direitista, os atos seriam organizados em 26 cidades do Páis.

No presente momento não há razões concretas para acreditar que esses atos levarão uma grande quantidade de coxinhas para as ruas. Entretanto, a política do PCO é a de não dar sorte para o azar. Principalmente por que se trata de um filme que já todos já viram.

A direita, com esses atos tenta criar a ilusão de que há respaldo popular para uma intervenção militar na atual conjuntura, da mesma forma que eles fizeram nos atos do pato já citados anteriormente. Mesmo sabendo que isso não passa de uma farsa, não podemos repetir o mesmo erro dessa vez.

Convocamos toda a esquerda e os trabalhadores brasileiros a se juntar aos comitês de luta contra o golpe, denuncir o caráter reacionário destas manifestações e organizar a mobilização dos explorados e de suas organizações para lutar contra o golpe e criar as condições para e expulsar a direita coxinha e golpista, que quer a volta da ditadura militar,

das ruas pelos meios que forem necessários.

artigo Anterior

Até no PSDB… Fora Aécio

Próximo artigo

Coxão e Coxinha

Leia mais

Deixe uma resposta