10 de novembro de 1848 – Revolução Praieira tenta derrubar monarquia no Brasil

Compartilhar:
10 de novembro de 1848 – Revolução Praieira tenta derrubar monarquia no Brasil

A Revolução Praieira, também conhecida como Insurreição Praeira ou Revolta Praeira foi uma tentativa de derrubada da monarquia no Brasil, liderada por Dom Pedro II, feita por liberais em Pernambuco, à época Província de Pernambuco.

Aconteceu e foi diretamente influenciada pelas revoluções que aconteciam na Europa no mesmo ano, como a Revolução de 1848 na França, que pôs fim ao absolutismo no País, ou a revolução burguesa na Alemanha.

Em 1 de janeiro de 1849, os revolucionários lançaram seu manifesto, o Manifesto ao Mundo, reivindicando os direitos democráticos:

  • o voto livre e universal do povo brasileiro;
  • a plena e absoluta liberdade de comunicar os pensamentos por meio da imprensa (liberdade de imprensa);
  • o trabalho, como garantia da vida para o cidadão brasileiro;
  • o comércio a retalho só para os cidadãos brasileiros;
  • a inteira e efetiva independência dos poderes constituídos;
  • a extinção do Poder Moderador e do direito de agraciar;
  • o elemento federal na nova organização
  • a completa reforma do Poder Judiciário, de forma a assegurar as garantias dos direitos individuais dos cidadãos;
  • a extinção da lei do juro convencional;
  • a extinção do sistema de recrutamento militar então vigente.

A Revolução Praieira foi derrotada no início de 1850, sendo duramente reprimida pelo então presidente da Província de Pernambuco, Manuel Vieira Tosta. Os rebeldes desta revolução foram, em sua maioria, fuzilados sem julgamento pelo presidente da Província.

 

artigo Anterior

Ben Heine, o artista gráfico engajado

Próximo artigo

Para o Frigorífico Seara acidente de trabalho não existe

Leia mais

Deixe uma resposta