17 de outubro de 1969 – Ditadura militar: AI-5 entra para a Constituição

Compartilhar:

A ditadura militar enterrou todos os elementos democráticos vigentes até o golpe dado pelos militares em 1º de abril de 1964.

Os militares decretaram, durante seus governos, atos institucionais, que passavam por cima da Constituição em nome da repressão. O mais duro foi o de nº 5, decretado em 13 de dezembro de 1968, pelo então presidente, o marechal Costa e Silva.

Este Ato regularizava a censura e a perseguição à oposição, principalmente à esquerda, além de dar plenos poderes a governadores e ao presidente.

Em 1969, foi incorporado na Constituição como a Emenda Constitucional nº1, que ficou conhecida como a Constituição de 1969, pois todo o texto da Constituição foi editado pelos militares como parte da emenda.

artigo Anterior

Apeoesp realizou ato na Paulista no dia do professor

Próximo artigo

“Gorilas?”, por Vitor Teixeira

Leia mais

Deixe uma resposta