Warning: session_start(): Cannot send session cookie - headers already sent by (output started at /home/causaoperaria/www/wp-config.php:1) in /home/causaoperaria/www/wp-content/plugins/wpmu-dev-facebook/lib/external/facebook.php on line 60

Warning: session_start(): Cannot send session cache limiter - headers already sent (output started at /home/causaoperaria/www/wp-config.php:1) in /home/causaoperaria/www/wp-content/plugins/wpmu-dev-facebook/lib/external/facebook.php on line 60
Palocci e a Guantánamo brasileira - Diário Causa Operária Online

Palocci e a Guantánamo brasileira

Compartilhar:

Palocci delatou Lula. O ex-dirigente petista, na quarta e quinta (6 e 7), depôs à República de Curitiba acusando o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, a presidente Dilma Rousseff e outros dirigentes petistas, assim, corroborando para a versão dada pela imprensa golpista e a direita.

O depoimento de Palocci centrou-se em mostrar que Lula, como veículos golpistas como a Revista Veja e O Globo já afirmaram, era o “chefão”. Uma delação sob medida para o juiz golpista Sérgio Moro, instruído e comandado pelo imperialismo para condenar Lula.

Apesar da comemoração de toda a imprensa golpista, vários especialistas em direito denunciaram a delação de Palocci, afirmando que ela seria fruto de uma perseguição, uma tortura psicológica ao réu. E de fato. Não nos admiraríamos se “vazassem” o tratamento dado aos presos políticos da Lava Jato – já muito “queimados” pelo monopólio de imprensa – presenciássemos todo tipo de coação, chantagem, torturas e ameaças com penas duríssimas, feitas pelos direitistas desta operação, para que entreguem quem eles querem que seja “delatado”.

O próprio empresário da Friboi, Joesley Batista, em áudio, admitiu que estes esquemas funcionam sob encomenda.

Palocci é um verdadeiro torturado pela Lava Jato. Esta operação golpista tornou-se uma ditadura dentro do próprio País, e sua sede, Curitiba, se tornou uma espécie de Guantánamo brasileira, uma presídio político onde se usa de métodos de tortura psicológica e outros mais para atingir seus objetivos. Sérgio Moro quer prender Lula e centra suas forças para isso, passando por cima das leis e das próprias pessoas.

É preciso derrotar esta ofensiva golpista. A “Guantánamo brasileira” colocará o País inteiro em uma ditadura ferrenha.

Para derrotá-la, só a luta contra o golpe e a mobilização contra a prisão de Lula. Por isso, dia 13, todos à Curitiba, contra a prisão de Lula.

artigo Anterior

Coxinha aloprado acusa Lula de derrubar árvore centenária

Próximo artigo

E a greve em Campinas (SP) continua… prefeito, a culpa é sua!

Leia mais

Deixe uma resposta