Às vésperas do depoimento, aumenta a campanha contra Lula

Compartilhar:

Nos dias finais da semana que antecedem o depoimento de Lula para Sergio Moro em Curitiba, a burguesia aumentou a carga contra o PT e Lula. Nenhuma coincidência, é claro!

O depoimento de Lula será no dia 13 de setembro na capital paranaense. As organizações populares e sindicais estão organizando um ato como o do dia 10 de maio – data do último depoimento do ex-presidente. Embora haja uma enorme tendência de mobilização contra a prisão de Lula e contra o golpe, que ficou bem clara na enorme mobilização gerada pela Caravana de Lula pelo nordeste, ainda não se sabe o tamanho da manifestação graças às confusões e às vacilações das principais direções políticas do movimento contra o golpe.

A burguesia, no entanto, sabe do potencial de mobilização e na véspera do depoimento de Lula apresentou um verdadeiro pacote de calúnias, denúncias e aumentou a campanha contra o ex-presidente. Na terça-feira, dia 5, o Procurador Geral da República, Rodrigo Janot, indiciou Lula, Dilma, Edinho Silva e Guido Mantega por organização criminosa. No mesmo dia em eram encontrados 51 milhões em espécie no apartamento de Geddel Vieira, o jornal golpista O Globo trazia uma capa com uma foto uma manchete que insinuava que as caixas de dinheiro eram dos petistas indiciados por Janot.

Na tarde de quarta-feira, a imprensa apresentou com grande estardalhaço a delação de Antônio Palocci feita em depoimento para Ségio Moro em que pela primeira vez o ex-ministro teria citado Lula.

A propaganda da burguesia aumenta na medida em que se aproxima o depoimento de Lula. A única explicação é a de que o objetivo é prender o ex-presidente. Como fica claro, a depender do Judiciário, Lula será condenado. É preciso mobilização, mas não qualquer mobilização, é preciso colocar como fator central a luta contra o golpe, contra a condenação de Lula, o fim imediato da Lava Jato.

artigo Anterior

“Lagrimas de Crocodilo”, por Bira Dantas

Próximo artigo

Geddel é pego com 51 milhões em espécie e a culpa é do PT

Leia mais

Deixe uma resposta