Para entender o golpe na Venezuela

Compartilhar:

Na Análise Política da Semana, programa apresentado semanalmente no youtube através do canal COTV e também disponível na Rádio Causa Operária no Sound Cloud, o companheiro Rui Costa Pimenta apresentou uma análise do desenvolvimento da situação política na Venezuela.

Segundo Rui Costa Pimenta, a direita venezuelana apoiada pelo imperialismo lançou uma ofensiva para derrubar o governo pela força com violentas manifestações. Essa violência, provocada pela oposição, foi atribuída pela imprensa venezuelana e internacional ao governo.

Diante dessa situação, o governo lançou uma proposta de convocação de Assembleia Nacional Constituinte, o que é uma tentativa se solução por uma via institucional. No entanto, a oposição propôs que o povo boicotasse eleição para a constituinte, o que não funcionou, pois governo obteve pouco mais de 8 milhões de votos, apesar do fato de que a oposição promoveu um verdadeiro clima de guerra civil para tentar impedir as pessoas de votarem.

Uma parcela da esquerda brasileira se colocou contra o governo Maduro e outra parcela prefere não se colocar de lado nenhum. Ambas as posições são um grave erro, pois na Venezuela não há uma situação em que os problemas são discutidos em debates eleitorais. É um enfrentamento de vida ou morte entre uma direita fascista, que tem o apoio do imperialismo e a esquerda chavista, que tem o apoio da população. Assim sendo, quem não ficar do lado de Maduro estará necessariamente do lado da direita e apoiando a política do imperialismo de colonização da América Latina e demais países atrasados.

Ouça o trecho em que Rui aborda o tema na Rádio Causa Operária:

artigo Anterior

Todo apoio à Coreia do Norte

Próximo artigo

“Escola sem Partido”, mas com Bolsonaro

Leia mais

Deixe uma resposta