DCO mais uma vez no Index Prohibitorum de Doria

Compartilhar:

O burguês, tendo sido muito mimado quando criança, não aguenta ser contrariado. Ele não aprendeu que no mundo há controvérsias e que na maior parte de nossas vidas somos contrariados. O prefeito de São Paulo, João Doria Jr. (PSDB) é um burguês, não um alto funcionário da burguesia como costumam ser os políticos burgueses, por isso ele se sente à vontade de fazer o que bem entende sem querer que ninguém o contrarie.

O prefeito mauricinho está em seu oitavo mês de mandato e já acumula uma série de atos impopulares como ninguém. Nem é mais possível enumerar todas as coisas que foram feitas: apagar os grafites da cidade, atacar bloco de carnaval, derrubar prédio com gente dentro e por aí vai. Além de todas as barbaridades, vale ressaltar que João Doria é uma figura ridícula, o que também é uma característica da burguesia, uma classe decadente.

Mas mesmo acumulando tudo isso, além de seu estilo ignorante e estreito, Doria não quer ser criticado, não quer ser contrariado, como bom mimado. Assim, o prefeito tem usado seu corpo de advogados para intimidar qualquer um que “ouse” contraria-lo. Blogues, jornalistas ou simples indivíduos comentando no Facebook já foram advertidos pelos advogados do prefeito de 180 milhões de reais de patrimônio.

Ontem foi a vez do Diário Causa Operária ser “advertido” pelo playboy da camisa Ralph Lauren. Aliás, essa foi a segunda vez, a primeira já está na Justiça: Doria está processando o jornal Causa Operária e o seu colunista, William Dunne por uma crônica ficcional – sim, isso mesmo, uma ficção!

Dessa vez, o corpo de advogados decidiu enviar um Sedex 10 para esta redação exigindo – como representantes do filhinho de mamãe – que um artigo tivesse uma retratação, já que seria mentira a denúncia de que a Guarda Municipal comandada pelo prefeito está sendo acusada de tocar fogo nos barracos debaixo de uma ponte no Bixiga.

O mauricinho virou prefeito agora acha que pode pode censurar todo mundo. Ele deve saber que playboy não é o tipo de pessoa das mais populares no Brasil, por mais ajuda que tenha da rede Globo, e não quer que ninguém revele suas barbaridades. Só pode ser medo de levar outra ovada na cara, ou coisa pior.

O difícil vai ser calar o povo e este jornal que vos escreve.

artigo Anterior

XVII CONFUP: Privatizar faz mal ao Brasil

Próximo artigo

Tradutor

Leia mais

Deixe uma resposta