Dia 20 é para ir às ruas contra a prisão de Lula

Compartilhar:

O ex-presidente Lula sofre a mais de décadas uma campanha de calúnias e difamações muito forte, sendo esta ação intensificada agora.

A provável prisão de Lula coloca toda a imprensa golpista em ataque contra a principal liderança da classe operária, ao mesmo tempo em que as lideranças de esquerda se engajam nessa luta.

Logo após a condenação de Lula por Sérgio Moro, toda a militância do PT se reuniu para organizar a luta política contra a perseguição. Já houveram atos em várias cidades do país, como São Paulo e Ribeirão Preto. Este é apenas o começo de uma árdua luta para evitar a prisão de Lula, e o Partido da Causa Operária convoca a todos para sair às ruas no dia 20 de julho de 2017 contra a prisão de Lula.

Lula é a maior liderança política da classe operária, é a figura central de todas as grandes mobilizações contra o golpe. A condenação e prisão de Lula trará o retrocesso para o país e perseguição a toda classe operária, Lula é alvo de uma farsesca campanha política gerida pelo Judiciário. Não há nenhuma prova nenhuma contra ele, entretanto o golpe precisa detê-lo para poder se desenvolver, e fará isso, mesmo que não tenha provas ou boas justificativas.

artigo Anterior

Não à condenação de Lula: nas ruas o novo jornal Causa Operária

Próximo artigo

Assista entrevista de Joana Limaverde no Uzwela

Leia mais

Deixe uma resposta