4 de janeiro de 1923 – Em seu “testamento”, Lênin recomenda a destituição de Stálin

Compartilhar:

São tidos como o “Testamento de Lênin”, documentos ditados pelo líder revolucionário entre 23 de dezembro de 1922 e 4 de janeiro de 1923.

Nestes documentos, Lênin analisa o crescimento da URSS e suas perspectivas, além de analisar o Comitê Central do Partido Comunista, alertando o perigo de ascensão da burocracia stalinista e apontando Leon Trótski como a pessoa mais preparada para o cargo de Secretário Geral do Partido, ocupado por Stálin.

Após a morte de Lênin, em 1924, o texto foi entregue ao Secretariado-Geral, chefiado por Stálin, o qual ocultou o texto que, no entanto, foi revelado e publicado por Max Eastman, Alfred Rosmer e Boris Souvarine, em 1926.

artigo Anterior

Por que a direita tem pressa em “reformar” a Previdência?

Próximo artigo

“Lava Jato”, por Bira Dantas

Leia mais

Deixe uma resposta