“Uzwela – conversa sobre cultura” volta em janeiro com a entrevistada Joana Limaverde

Compartilhar:

O programa de cultura da Causa Operária TV, apresentado aos sábados às 19h, encerrou suas atividades do ano de 2016. Com grandes participações, como Willy Verdaguer, Miriam Miràh, Oswaldo de Camargo, Tio Mário, entre outros, o programa recentemente lançado alcançou sucesso e será mantido no próximo ano, de 2017.

Joana Limaverde

O último programa contou com a participação do cartunista Vitor Teixeira, sua gravação está disponível para acesso no canais do Partido, como também todas as outras entrevistas.

O próximo programa, que será apresentado o vivo no dia 7 de janeiro, já tem a presença confirmada da atriz e cineasta Joana Limaverde.

Abaixo, a lista de programas transmitidos:

Uzwela Programa nº 1 – conversa com Willy Verdaguer

O Argentino Willy Verdaguer fundou a banda Raíces de América, uma das precursoras da música latino-americana no Brasil. Em 1967, ele chegou ao Brasil e fundou a banda Beat Boys, que acompanhou Caetano Veloso no Festival da Canção, defendendo a música “Alegria, Alegria”, que causou escândalo ao introduzir a guitarra elétrica na apresentação.

Uzwela Programa nº 2 – conversa com Marco Antônio, da Nenê de Vila Matilde

Marco Antonio, é músico e compositor, ingressou no samba em 1972, com 22 anos, na Escola de Samba Mocidade Alegre, onde permaneceu até 1984. Em 1985 foi para a Nenê de Vila Matilde. É presidente da Ala de Compositores da Nenê de Vila Matilde e formou em 2002 a Velha Guarda Musical da Nenê e com ela participou da coleção Memória do Samba Paulista.

Uzwela Programa nº 3 – conversa com Oswaldo de Camargo

Oswaldo é um do mais importantes historiadores da literatura negra no Brasil. Suas diversas obras, entre poemas, romances e contos, possuem grandíssimo valor histórico para a luta do povo negro no Brasil e no mundo.Ganhador de vários prêmios, é difícil definir o que exatamente Oswaldo é: historiador, poeta, romancista, jornalista, pesquisador.

Programa nº 4 – conversa com Fernando Szegeri

Fernando é uma das grandes referências do samba em São Paulo. Integrante do grupo Inimigos do Batente, bloco do Ó do Borogodó.  Recentemente, participou do último CD do também paulista Kiko Dinucci. Foi também autor do samba contra o golpe de Estado em marcha em parceira com Douglas germano, Bruno Ribeiro e Arthur Tirone.

Uzwela Programa nº 5 – conversa com Tio Mário

Com récem completados 89 anos, Mário Ezequiel, ou simplesmente Tio Mário, é da Barra Funda. Comandou o movimento de samba nas Perdizes e orgulha-se de ser o mais velho e um dos principais fundadores da Escola de Samba Camisa Verde e Branco. Ele, sem dúvida, é um dos maiores compositores do samba paulista.

Uzwela Programa nº 6 – conversa com Marco Mattoli

Na voz e na guitarra, Matolli faz parte da retomada do samba-rock na música brasileira. Sua primeira banda chamava-se Guanabaras, da qual foi um dos fundadores. Com essa banda, lançou um disco denominado “Balanço bom é coisa rara”, com a participação de alguns integrantes que, mais tarde, formariam o Clube do Balanço.

Uzwela Programa nº 7 – conversas com Míriam Miràh

Miriam Mirah, compositora, instrumentista e cantora da banda Raíces de América, contou sua trajetória na música desde os tempos da ditadura militar até hoje, passando pela histórica participação no Festival dos Festivais da rede Globo quando defendeu a canção Mira Ira no Maracanãzinho lotado.

Uzwela Programa nº 8 – conversa com Vitor Teixeira

O chargista Vitor Teixeira foi o convidado do último Uzwela de 2016, que aconteceu nesse sábado às 19 horas. Vitor, com mais de 100 mil seguidores no Facebook, contou um pouco sobre como começou a desenhar e a fazer charges políticas para vários jornais, sites e publicações de esquerda.

artigo Anterior

A base de atuação do PCO e o programa de luta da classe operária e da revolução socialista

Próximo artigo

Estadão pede cautela ao Judiciário

Leia mais

Deixe uma resposta